Escolha uma Página

Em 2018, mais precisamente em 23 de setembro, escrevi assim:

“Militares e PT: quem imita quem? Pela enésima vez, governo cria comissão para política de remuneração de militares
Mesmo deixando de lado o tempo em que estive na ativa e considerando apenas os nove anos de existência do blog, admito que me falta paciência para pesquisar quantas vezes já foram criadas ‘comissões de estudos” desse tipo. Trata-se, sem mais nem menos, de conceder ares institucionais ao mantra “nossos chefes estão preocupados…”.
Oxalá eu seja desmentido por essa tal Comissão Permanente de Remuneração dos Militares, que a Defesa acaba de criar, mas não consigo acreditar que possa sair algo de positivo dum troço desses.
Quem já conheceu de perto um governo petista, em qualquer nível, sabe que essa é a pratica comum da ‘cumpanherada’: criar comissões que promovem intermináveis debates e não resolvem nada. A minha dúvida é: quem imita quem?
Larguei!”

Em 2018, o presidente era Temer e o general Silva e Luna o titular da Defesa.
Agora, sem “desinstituir” a comissão anterior, a Defesa institui outra (ou seria a mesma?) comissão, com idênticas atribuições. O texto da portaria publicada hoje é um “copia e cola” daquela de 2018. Algumas diferenças de formatação e atualização de nomes, e só.
Ou seja, mais do mesmo. E não vai dar em nada, de novo.
Confira as duas portarias, na íntegra:
PORTARIA NORMATIVA N° 49_GM-MD, DE 12 DE SETEMBRO DE 2018 -COMISSÃO DE REMUNERAÇÃO DOS MILITARES
PORTARIA NORMATIVA Nº 42_GM-MD, DE 27 DE ABRIL DE 2020 – COMISSÃO PERMANENTE DE REMUNERAÇÃO DOS MILITARES

Skip to content