Governo Tarcísio afasta major do Exército alvo da Operação Tempus Veritatis

Foto: Reprodução/ Instagram

O major da reserva Angelo Denicoli foi alvo na quinta de mandado de busca e apreensão e teve o passaporte retido

O governo Tarcísio de Freitas (Republicanos) afastou o major da reserva Angelo Martins Denicoli do cargo especial da Prodesp, Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo, diz a Folha.

Denicoli foi um dos alvos da Operação Tempus Veritatis, desencadeada na quinta-feira, 8. A operação mira uma organização criminosa que atuou na tentativa de golpe de Estado e abolição do Estado Democrático de Direito.

Segundo a Polícia Federal, o militar integrou o grupo que seria responsável pela produção, divulgação e amplificação de notícias falsas sobre as eleições presidenciais de 2022.

Ainda de acordo com a investigação, o objetivo do núcleo era estimular seguidores a permanecerem na frente de quartéis e instalações das Forças Armadas para criar um ambiente propício para o golpe de Estado.

O major da reserva foi alvo na quinta de mandado de busca e apreensão e teve o passaporte retido. Ele também foi proibido de sair do país e de manter contato com outros investigados.

Militares são alvo de operação da PF

A Operação Tempus Veritatis tem 16 integrantes das Forças Armadas entre os alvos. O ex-comandante da Marinha Almir Garnier Santos é um deles.

De acordo com as apurações da PF, os militares atuaram principalmente em duas frentes. A primeira seria a “produção, divulgação e amplificação” de fake news sobre a lisura das eleições, incitando outros militares a aderirem a ideia de um golpe de estado.

O segundo foco seria o apoio a ações golpistas que permitiram a manutenção dos acampamentos em frente aos quartéis, viabilizando mobilização e logística para os ataques às sedes dos três poderes no 8 de janeiro.

O Antagonista

13 respostas

  1. O falso Messias deixou uma herança maldita para as Forças Armadas e para muitos militares de alta patente que foram na onda de um louco.
    Acabou com a boa reputação que as Forças Armadas gozava e hoje o quadro é humilhante.

  2. Esse homem estava na reserva desde 2013.
    Ainda pagando de milico.
    Fotinho fardada no linkedin, farda anterior a de 2015.
    Agora é conselho e rua! E ver como está reformado, se é cota compulsória, se ficou incapaz só para o serviço militar, etc, parece bem para articular golpe. Isso deve ser investigado, pelo bem do brasil todas essas pessoas deve ser investigadas em todos os aspectos

      1. Alexandre de moraes jukgara
        Quem investigou foi a PF.
        Eu so vi os extratos de conversa Print scren dessas pessoas querendo fazer quartelada e golpe!!!

        Eu quero todas condenadas. Golpe nao!!!! Chega estamos em 2023. Respeitem a democracia e a vontade do povo.

        E apurar ai como esta aposentado se cota compulsoria se ficou doente do pé etc etc etc.

        Isso que eu escrevi.

        Sobre o conselho e rua, voy mudar entao: que seja julgado pelo juiz alexandre.

        Da no mesmo.

        Melhor tratar bem a esposa. Sera major morto ficto em breve ganhando dindin da esposa.

  3. Ah… sim… entendi! A transição foi feita a partir de outubro, Lula assumiu já com ministérios indicados e com apoio das FAs e o plano era dar um golpe em 08 de janeiro criando um ambiente propício para o golpe de Estado. Sei… kkkkk. São incansáveis nas mudanças das versões. Vamos ver qual será a próxima invenção. Precisam patentear tudo antes da prisão para ver qual narrativa será a vencedora. kkkkk

    1. Isso! Chegaram até a inventar uma história de que haveria uma epidemia para tentar desestabilizar o governo anterior, sem contar os milhares de figurantes da Globo utilizados para invadir o Palácio do Planalto. malditos comunistas!

  4. Viabilizando mobilização e logística? Putz… 300 ônibus se evadiram do local, umas 18 mil pessoas, e os que foram dormir confiando no EB viabilizaram mobilização e logística? Eitaaaa…

  5. Bom JB conseguiu na restruturação carreira dividir a tropa dentro das forças armadas (oficiais x praças) o que nenhum presidente conseguiu fazer antes e manchou as forças armadas conseguiu também o ódio da direita contra os milicos, a credibilidade antes 95% agora 5% realmente JB é insuperável o verdadeiro “mito” eu como praça não gostaria de vê-lo nunca mais na presidência do país, QE do EB.

      1. Entram, descobrem como é e passam a se odiar.
        É que emprego ta difícil
        Na PF sao 1000xvaga, 10x mais, todos com diploma universitário.
        E nao é 100 nao, nao da 30 para a AMAM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo