Quadro Especial: acredite, mas não gaste por conta, tá ok?

Imagem: Sociedade Militar

A Revista Sociedade Militar obteve cópia de um ofício enviado pela Secretaria de Relações Institucionais ao Ministério da Defesa, encaminhando três indicações parlamentares e solicitando uma manifestação da pasta sobre o possível impacto das mesmas na Defesa, na qualidade de Órgão Executor de políticas públicas. Confira:

Fonte: Revista Sociedade Militar

As indicações de Gleisi Hoffmann e Capitão Alberto Neto dizem respeito, respectivamente, a criação do Quadro Especial de Graduados do Exército e ao acesso de Cabos e Sargentos do Quadro Especial da Aeronáutica, oriundos do Quadro de Cabos da Aeronáutica, a Graduação de Suboficial da Aeronáutica.

A data do ofício não consta do fac-símile publicado pela RSM, porém ele encaminha outro documento (Ofício 1ªSec/I/E/nº 433/2023), oriundo da Primeira Secretaria da Câmara dos Deputados, com data de 30 de outubro.

As indicações parlamentares que dizem respeito a Defesa fazem parte de uma lista de  39, que envolve outros dezoito ministérios, que receberam solicitações do mesmo teor.

Leia:

Ofício 1SecIE nr 4332023

Chovendo no molhado?
Em setembro,  a Defesa criou um Grupo de Trabalho  com a finalidade de estudar os efeitos da Lei nº 13.954, de 16 de dezembro de 2019, sobre as praças integrantes dos Quadros Especiais das Forças Armadas. As conclusões foram apresentadas no dia 16 de dezembro.

Trecho do relatório:
“Entende-se não atender aos critérios de meritocracia permitir aos militares do Quadro Especial progressão hierárquica idêntica a dos militares que foram aprovados nos exames de seleção e depois, concluíram com aproveitamento os cursos de formação a sargentos.”

Difícil imaginar I
Que, ao responder ao questionamento da Secretaria chefiada por Alexandre Padilha, a resposta da Defesa se afaste um milímetro que seja do relatório do Grupo de Trabalho.

Difícil imaginar II
Que Lula, em pleno processo de reaproximação com os comandantes das Forças Armadas, decida, por um canetaço, contrariar a posição da Defesa.

Conselho do antigão
Acredite, mas não gaste por conta, tá ok?

258 respostas

    1. As indicações legislativas são apenas as demandas encaminhadas pelo legislativo aos órgãos competentes, no caso foi a proposta já apresentada e submetida à apreciação do Poder Executivo e não uma nova proposta. Se fosse em data posterior da proposta já apreciada ou demandada por outro parlamentar, poderia ser algo novo, só que uma proposta não é encaminhada mais vezes ao executivo pois deve passar pelo crivo da Mesa Diretora. Esta proposta passou pelo mesmo caminho em 2012, sendo rejeitada pelo próprio PT e levou 11 anos para o mesmo trâmite. Esta é a mera publicação do trânsito da proposta apreciada pelo MD.

      1. Já tiveram muita coisa: 1 estabilizaram;2 Promoção a 3S; 3 nova promoção a 2S; 4 adicional de 26% (acima do 1S que ganha 20%); e, tudo isso, pasmem, sem NUNCA terem feito um concurso público!

          1. Qual concurso público que foram aprovados? Foram estabilizados sem terem o direito legal, cadê a meritrocacia, não houve, mas os QE’s não tem culpa, mesmo sem ter passado por concurso, e já que o EB criou o quadro deveria ter criado um plano de carreira Tb.

        1. Bom dia, meu camarada.
          Olha só sou do quadro especial, turma 92.
          Então porque que nós diferenciaram Dos colegas que tbm eram do quadro especial, musicos, eles conseguiram as devidas promoções e nao prestaram concurso, e sim somente o mesmo curso que eu fiz (cfc).

          1. No meu caso,fiz concurso para soldado músico em 89,p cabo músico em 91,3 sgt em 03,promovido em 03,fiz p 2st músico ,sai segundo em 2011, novamente concurso p 1 sgt
            Fui pra reserva em 2020 como 1sgt, muitos amigos músicos não saíram nem 2sgt..

        2. caro colega acho que vc não conhece a Marinha se for dela.
          somos concursados sim
          fizemos provas na época era diferente de hoje procure saber!!!
          somos profissionais com formação na graduação de SG…. então não fale o que não sabe.

        3. Toma vergonha na sua cara seu canalha, muitos destes militares entraram p as forças armadas através de concursos, principalmente os militares da marinha. Não fale o que vc não tem conhecimento. Não venha desmerecer o quadro especial, na marinha muitos militares ficaram impedidos de fazer prova p sargento em 2001, desta forma a marinha os destinou a ir no máximo a 2° sargento. Então não venha dizer q os militares não são concursados.

        4. Vc fez concurso Público; acredito que Para sargento e de oitava série. Fazendo curso de nove meses! Ainda saiu Capitão! Acredito!? Esse é o cenário! E agora quer falar de concurso! Rsrsrs

        5. Então qual foi a finalidade estabilizar os QE?. Pra você que não sabe, Temos centenas de QE com muito mais potencial profissional do que milhares que prestaram concursos, beleza?

          1. Qual potencial? Na Ativa presenciei muitos QE’s do EB se arrastando, mas tbm presenciei muitos QE’s que vestiam a farda de Verdade, no EB os QE’s não prestaram concurso, conseguiram a graduação de 3sgt e 2sgt por tempo, mas entendo legítimo o direito de manifestar igualmente por analogia os regressou das escolas de formação manifestar Tbm o direito de promoção até TC.

  1. QEs deixarão De Ganhar Muito Mal e Passarão A ganhar mal!!

    Salário de sub está muito aquém das necessidades familiares destes militares!!!

    Salário de sub está muito abaixo do que é pago a seus congêneres nas políticas militares!!

    Lula….pior Presidente Para Os Praças Das FFAA!!

    Vai agradar 0,1% da Tropa e deixar 99,9% na miséria!

    1. Miséria!!!
      Inacreditável.
      “De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE):
      – a cada 10 profissionais de carteira assinada, 7 recebem até dois salários mínimos neste ano de 2022.”
      Fonte Educa+Brasil

      Os que ganham até um salário mínimo (R$ 1.212) são 35,63% do total.
      A maior proporção entre os grupos de renda analisados.
      Dados são do 3º trimestre deste ano.
      Fonte G1 Globo.com de 23/11/2022

      Calculadora de renda: 90% dos brasileiros ganham menos de R$ 3,5 mil
      Fonte BBC Brasil.
      https://www.bbc.com/portuguese/brasil-57909632

        1. Por esta mesma linha de raciocínio alguém poderia perguntar também qual seria a interferência salarial nos Coronéis, por exemplo, se os Subtenentes fossem contemplados com o mesmo soldo deles. Qual seria, né verdade?

          1. Perdoe-me, todavia NÃO há logíca na sua dúvida. Não existe meritocria, nem embasamento legal para q ST recebam o mesmo soldo de Cel. EsMB 1995!!!!

          2. Amauri, acho que vc não entendeu. é justamente o absurdo a que me refiro. Estes caras são sem noção das coisas. Conseguiram foi muito, considerando a maneira como entraram na instituição. Engraçado, o modo como eles falam aqui, zangados e com pretensões absurdas!

        2. não é sobre interferência e sim sobre mérito, os QES fizeram apenas o CFC (formação), os de carreira tiveram que fazer concurso público federal e além da formação para poderem serem promovidos até Subtenente precisam fazer um curso de aperfeiçoamento o CAS.

          1. Bom dia meu camarada isso não eh culpa nossa infelizmente eles Comandantes que não pensar em nossa situação por isso teremos que pagar o preço vc deve ser de carteira pois tá bem neseus aumentos pelos cursos né enquanto ao outro lado só tivemos desconto mas tá valendo.

          2. É mas que merecido, o militar do quadro especial nunca teve nenhum privilégio, sempre pronto para o serviço militar, exercendo ainda funções de alto risco. Portanto digo eles merecem.

          3. Desculpe seu desinformado, mais a instituição não tinha no passado e não tem no futuro plano de carreira para praças. Em outras forças que adotaram plano de carreira o sd chega a oficial.
            Você não sabe nada da vida militar e fica escrevendo besteira.

          4. É fácil colocar esse comentário qdo na vdd não sabe o que realmente aconteceu, procure saber como foi a ascenção das mulheres ao entrarem na FAB, para cursarem tanto o cfc como o cfs, e compare com os homens.

          5. Então pq não exijiram das cabos as quais não tinham sequer 4 anos na graduação de cabos não prestaram concurso e foram promovidas a 3S e reserva como SO? LOGO NAO ENTENDO PRÁ QUE ESSE PEREQUETE QUE NAO TEM FIM

        3. Os sargentos de escola do exército Passaram a fazer concurso mais complexo mesmo Recentemente, onde é cobrado o ensino médio. Antigamente faziam concurso de oitava Série, Cursavam por 9meses e no Final da carreira chegam a Capitão! Nada contra. Conheço muitos deles e São muito profissionais. Tenho amigos e irmãos que hj são qao. Era a regra do jogo. Agora uma minoria que tem um recalque imotivado, se levanta Cheios de razão para falar de meritocracia!? Todos tem o Direito de buscar melhorias dignas. Os sargentos do quadro especial são grandes trabalhadores; como profissionais exercem várias funções como qualquer outro profissional. Muitos tem cursos Superiores, pós-graduados, Etc. É preciso respeito mútuo!

      1. Todos os sargentos do quadro especial eram técnicos em suas unidades. A dedicação era a marca profissional.
        Muitos com cursos superior e colocando conhecimento em prol da forca.
        Na reestruturação de carreira tinham que ser reconhecidos e não abandonados.

        1. Em toda minha carreira, só vi os QE se encostando na junta pra não pegar escalas. Bando de puxa sacos golpistas. Em pouquíssimas oportunidades vi qE que trabalhassem de verdade e não fugiam do sv. Agora se fazem de vítimas. Quisesse sair sub,tinha feito a esa! E sem choro, faz favor, hipócritas!

          1. O fato é que quem legisla dentro das FFAA são os, hoje, generais melancias, então não esperemos que façam alguma coisa por nós graduados e praças.
            Os melancias não estão nem aí para os graduados e praças.
            Só vivem jogando conversa fora para cima de todos nós.
            São, esses generais, um bando de FROUXAS que só querem saber de outro cargo quando forem para a reserva.
            Se liguem graduados e praças.

          1. concurso fizemos sim para seu governo.
            na Marinha não existe militar de carreira sem concurso e nos do QE estamos nesse enquadramento o problema é a instituição que modificou nossa trajetória no decorrer dos anos.

          2. Eu fui de Marinha e lembro bem que os militares Que “Cagaram” Para a prova de Sg, só chegavam a 2° Sgt. Muitos por escolha própria!

      2. Me dedico ao EB ha 25 anos, quero ser coronel!!!!!Vou entrar na justica 😂😂😂😂Nao é Questão de nao querer o sucesso dos outros, nem questao de justica, é logica msm, pedido sem pé nem cabeca. Vão arrumar outro emprego, vcs aposentaram novos, como 2º sgt e tem um bom Salário em relacao ao restante da População, querem mais privilegios que isso??? Bando de chorões sem Noção!!!
        Daqui a pouco vai ter advogado querendo virar juiz, enfermeiro virar medico, eletricista virar engenheiro, só pq trabalhou 30 anos. Alguns muito mal por sinal 😂😂😂. Me poupe

        1. É bem se vê, que você tem sequelas ou nesse 25 anos de lojinha foi bolinado, qual moral você tem pra falar Dos camarada QEs ou eletricista, enfermeiro e até de advogado de forma pejorativa? Se passar pra vim em um site prá desmerecer os Sargentos do Quadro Especial, esses mesmos Sargentos que por falta de profissionais de Escola que entravam na eSA sem profissão nenhuma, eram lobinhos Dos QE que ensinaram tudo que sabem, principalmente os sgt da eSA dos anos 80 e 90 onde os curso duravam um ano de formação, iam para as Unidades Miltares, só com teorias e na prática eram verdadeiras Lobinhos, perdidos sem saber fazer um MDO, nas garagens eram pra serem Mecânicos, mais não sabiam apertar uma porca, nós Parques de Manutenção eram ajudantes dos Cabos QE, fora que no período básico eram formados por cabos QE, Alunos que na época pagavam flexão, canguru, pulo de galo Quando dormiam nas instruções ou bisonhavam. então você com 25 anos de serviço ainda é lobinho só que arrogante, querendo Desmerecer profissionais militares e civis por causa de suas sequelas, desse jeito já adianto Você não ser promovido a Auxilar de OFTALMOLOGISTA “QAO”, uma promoção que se vê pelo lado arrogante, não era pra existir pq o Sargento de ESA, faz concurso pra chegar até a promoção de Subtenente e não a oficial, tanto que criaram o Quadro Auxiliar De Oficiais o QAO, tá vendo colega.
          “se teu telhado é de vidro, não joga pedra no telhado dos outros”!

          1. Dizem que até para o submarino nuclear são os QE que estão tocando o projeto e os Gripen são um projeto antigo feito por Cabos da FAB que A Saab copiou. Malditos canalhas invejosos!

          2. E chaga a Capitão com Concurso de oitava série! Rsrses. Só no brasil mesmo! Esse dve ser um daqueles que só viveu os seus 25 aninhos dd caserna, não estudou, não sabe nem mesmo interagir em sociedade! Vive naquela redoma.

        2. Vc é um pobre coitado,principalmente de espírito então vc acha correto terem promovido os taifeiros haja visto q nós somos mais antigos,desqualificado vc acha justo as mulheres entrarem como cabo e seis meses depois serem promovidas a sargentos e hoje são sub oficial e a onde tá a antiguidade ou vc não sabe q antiguidade é posto fala sério vai tomar conta da sua mulher e dos seus filhos é melhor coisa q tu faz incrédulo.

    2. Na minha ligeira opinião quem inventar a roda. Concordo com a manutenção do quadro especial, sobretudo na Região Norte, onde é necessário que alguns militares conheçam o terreno e muitas das vezes essa pessoa é o indígena e o cabelo. Mas, concordo que a meritocracia seja mantida nas Forças Armadas ou do contrário não existirá estímulo para o estudo. Sobre salário, são ruins demais.

      1. O quadro especial já foi extinto. Isso é apenas uma maneira de corrigir as injustiças que essa categoria sofreu ao longo de todo o tempo de serviço, uma vez que não deram oportunidades para os QEs progredirem. E não venham dizer que os QEs são analfabetos, a maioria quando cabos e casados, foram impedidos de fazer o concurso da essa porque no edital não permite ter dependes.

        1. O QE não sofreu nenhuma injustiça ,pelo contrario foi beneficiado ,com estabilidade,e Promoção até segundo sargento !Vcs são mal agradecidos e nunca estão satisfeitos ,sempre pleiteando coisas que não fizeram jus!

        2. Oportunidade pra progredir tiveram, não tiveram foi vontade. Fui QE em 1990, porém eu almejava mais. Muitos QE do meu tempo, usavam seu tempo livre pra curtir a vida; eu ao contrário, usava pra estudar até altas horas da noite, para prestar concurso de sargento. Agora querem equiparação com pessoal de carreira. Balela, deveriam ter estudado. Se for assim, mereço ser general de brigada.

          1. Falo como esposa de um QE que se dedicou muito para o exército mesmo não tendo feito a ESA. Trabalha com esmero e muitas da vezes fazia o serviço que os sargentos que fizeram a ESA não tinha competência ou por ter uma patente não queriam fazer. Hoje o salário do militar está muito abaixo pois esses generais não fazem nada para melhorar pois Estão acomodados. ganham muito e não fazem nada para a
            tropa.

        3. Para corrigir as injustiças somente dentro da lei e não fora dela. Legalmente o QE sequer poderia existir ou não seria “especial” e nem seria extinto.

        4. Só peço desculpas aos Irmãos que amo e que são de escola. Muitos são minha família! Atesto que meus comentários não são generalizados, pelo amor de Deus! São direcionados somente para contrargumentar os comentários de uma Minoria que tem um recalque desconhecido. Geralmente que entra nesse embate barato são os “concursados” que não alçaram altos vôos na Vida! Ficou a vida toda na caserna, devendo o fam e pedindo dinheiro emprestado até para soldado! Rsrsrs. A maioria dos Militares que conheço foram os altos padrões dentro da força. Gente de primeira linha. Não tem tempo para ficar trocando farpas com as Pessoas, por causa de asduntos que nem a eles pertecem! Rsrsrs

        5. Até 1985 poderia fazer concurso até os 35 anos, depoise o concurso passou a ter idade limite com metade das vagas para militares e dificilmente um Cb estabilizado com dependentes estaria estabilizado aos 24 anos…

      2. Discordo parcialmente. Legalmente, não há a mímima possibilidade da manutenção dos QE, visto q a última Turma q estabilizou foi a de 1992. da Turma de 1993 em diante, TODOS foram desimcorporados, com base na CF/88, já q a estabilidade é concedida ao funcionário público CONCURSADO.
        Devemos, todos nós Graduados, nos unir, assim como fizeram e fazem os Sgt QE, para sermos ouvidos pelo parlamento, na nossa futura e justa luta por aumento razoável do soldo dos militares. EsMB 1995!!!!

        1. Desculpe mais você deveria ser do conta bos gastos públicos.
          Isso é a reparação da força por não ter plano de carreira igual as Polícias e outras profissões.
          Você deve ser só mas um recalcado otário

        2. Não existe amparo constitucional para Estabilizar quem foi Incorporado, matriculado, convocado, etc, desde a instalação da Assembléia Nacional Constituinte, Que ocorreu em 1º de fevereiro de 1987.

          Portanto que teria “direito a estabilidade” seria a turma que incorporou antes desta data e mesmo assim teria que permanecer no mesmo cargo, sem direito a promoção.

          O último ano para a “estabilidade” seria em 1997, para que entrou antes de fevereiro de 1987.

          18. Ficam extintos os efeitos jurídicos de qualquer ato legislativo ou administrativo, lavrado a partir da instalação da Assembléia Nacional Constituinte, que tenha por objeto a concessão de estabilidade a servidor admitido sem concurso público, da administração direta ou indireta, inclusive das fundações instituídas e mantidas pelo Poder Público.

          1. A última turma seria a de 1978, que já estaria estabilizada em 1988 em decorrência da Lei de 1981 que perdeu o valor com a CF. Os demais não teriam tempo para estabilizar.

      3. Procure saber como foi a progressão das mulheres ao entrarem na FAB, faziam o CFC e eram promovidas a CB, e nos os homens tínhamos que executar o estágio de 6 meses e aguardar vagas, sendo promovidos a S1, procure se informar.

    3. Vamos imaginar o seguinte, o que difícil não é:

      Imagine um QE dois, vários, cumprindo expediente com uma bola de ferro presa a canela…teria moral ou, ser um exemplo para os Subordinados? Poderia ensinar, dar conselhos e aquelas velhas histórias do tempo que cachorro falava? Não iria transformar o ambiente tóxico, Constrangedor, abalando verdadeiramente a disciplina e a Hierarquia? Tornando o ambiente pernicioso e desagregador, motivo de desmotivação do subordinado trabalhador, crédulo nos valores castrenses?

      Então, por que o QE sempre aparece com matérias de um tom de chacota? Será que não há coragem para falar De outros? Ou dos Sem Concurso? Ora senhores, depois da revolta da chibata ( mesmo que alguém possa Discordar e dizer, com Viés bolsonarista, que era justo o castigo físico) , não poderá negar que o fim deste castigo físico, não abalou a disciplina nem a Hierarquia. O QE não se revoltou, não se amotinou, não traiu a CF 1988, nem regulamentos, nem seus pares, nem seus Chefes, nem seu juramento de servir a Pátria, com todo amor e fervor de Soldado de Caxias.

  2. O MD já respondeu, não existe qq possibilidade jurídica para promover essa gente ingressaram na força pra ficar como Cabo e Soldado foi um equívoco promover-los sem cursos, caso venha o canetaço abrirá um precedente de milhares de ações na justiça, ademais o instituto da coisa julgada opera contra eles um dia entraram na justiça e perderam de onde essas pessoas tiraram ideia sobre o direito de promoção o (QTA) é concurso público diferente deles.

      1. Para as pracas Sem concurso que se destacaram Foram estabilizados e promovidos a terceiro sargento, e depois ainda chegaram a segundo sargento. Tamanho foi o reconhecimento, pois entraram para ser soldados/Cabos por no máximo 8 anos. Agora querer se igualar a concursados. estes que fizeram uma carreira cumprindo vários requistos e obrigações para promoção… tão de brincadeira. Nunca estão satisfeito. Conseguiram sair 2° Sgt, Grande prêmio, agora querem ser generais.

        1. a maioria dos sargentos dos quadros Especiais, não foram para reserva como Segundo-Sargento, hoje a maioria dos qE, QESA , Sao Terceiro-Sargentos na Reserva gANHANDO MENOS que SOLDADOS dAS PM DOS ESTADOS.
          para quem não conhece as Farças Armadas, não é bem assim que a banda Toca.

    1. Equívoco foi promover as Cabos da FAB que nem fizeram sequer um estágio. Tem pessoas que sabem o que falam. Isso é muito triste.

      1. Vejo muito comentários sem saber sobre o assunto…cabos da aeronáutica desde 94 são concursados ..com curso de especialização pela escola de especialista de aeronáutica…e com o curso de qesa que é o curso que especializa o cabo a ser sgt …muitos cabos exercem funcao de sub..ou de 1 sgt …e sempre são os que ajudam os sgts novos que vem da escola…muitos cabos com nível superior..cabos que dão aula em estágio de oficiais…mas para os cabeças pensantes não tem qualificação..ou meritocracia…

        1. Cara, daqui a pouco você vai dizer que o Cabo substituia o Brigadeiro nas férias. Para com estas cachaças. Cabo é Cabo, elemento de execução, simples assim, apenas executa, não pensa e nem assessora. Se, repito, sE um dia substituiu algum Sargento ou Subtenente foi de encontro ao regulamento.

          1. Concordo parcialmente. na letra fria do regulamento (RISG, no caso do EB), OS cB/Sd NÃO podem ocupar funções de ST/Sgt, contudo, na prática é normal disso ocorrer. EsMB 1995!!!!

      2. Imbecil, os cabos que já conheciam o ofício é que ensinavam os estágios que chegavam da escola sem nenhuma noção prática… Respeito é bom…

      3. As mulheres fazem parte do Corpo Feminino da Aeronáutica com legislação específica, Lei nº 6.924/81 e pelo Decreto nº 86.325/81, diferente do então Decreto nº 92.577/86 do segmento masculino. Tem a mesma graduação mas pertencem a Quadros diferentes que não podem ser preenchidas pelo segmento masculino. Como consta na ação julgada no STF: “isonomia é compreendida por toda a doutrina e jurisprudência como tratamento igual aos iguais e desigual aos desiguais , assegurando a Constituição Federal a igualdade jurídica, ou seja, igual aos especificamente iguais perante a lei.” Seria o mesmo que promover um militar de Cavalaria em uma vaga de Intendência ou um QE a 1º Sgt.

    2. Realmente foi um equívoco, por isso que o governo tem que corrigir. Se souber ler, procure no ART 42 da CF, onde diz que é obrigação a criação de um plano de carreira.

      1. Equívoco, erro cracito, foi ter criado esta jabuticaba. Hoje estão pleiteando serem promovidos a S Ten ou Suboficial, amanhã querem o adicional de Altos Estudos e amanhã promoção a Capitão, e por aí vai.

          1. Isso! Militares de carreira sem família deveriam não ser promovidos! O negócio é entrar como Soldado e fazer filho para ter promoção!

    3. Boa noite.
      Não se refira a eles como essa gente, e sim estes militares por favor porque eles são tão militares quanto qualquer outro militar que cursou a ESA ou qualquer outra escola militar.
      Tenha mais respeito na hora de falar deles ou sobre eles, se não fossem eles pra limparem as cagadas que alguns cometeram ao longo da carreira, com certeza a maioria não teria chegado aonde vocês estão hoje.

          1. é bem possível que seja alguém simplesmente passando trote. Sonhando que seja EsMB 95. Aqui tudo é possível, a exemplo dos que afirmam que foram substitutos dos militares de carreira, fizeram isto, aquilo, etc. Só bravatas, nunca sequer redigiram um documento.

    4. QTA concurso de onde tirou isso?
      Na FAB para ser cabo tem que fazer prova e estágio, reinvidicações é justa!
      No caso se vcs estão se sentido prejudicado tbm fazem o mesmo corre atrás dos seus direitos!

    5. Boa noite meu caro! Os taifeiro eram antigamente soldados que tinham curso no senac/senai de cozinheiro, garcon, barbeiro, etc e eram Incluídos como taifeiros na aeronautica e esses mesmos ao irem para a reserva foram promovidos a suboficial.

    6. O ruim é ver que existem pessoas ignorantes que não sabem metade da história dos sgts qesas.
      E muito menos sabe. Que os mesmos eram responsáveis pelos setores onde trabalhavam.Não pelas suas graduações mas pelos seus conhecimentos

    7. Cidadão ‘Especial’,
      Os ‘di carreira’ não estão nem aí se vc julga, acha que:
      – QAO não é oficial.
      Porque o que importa mesmo é:
      – o contracheque oficial de ‘fato & direito’ de QAO.
      E o seu Contracheque será de Sub?
      Boa sorte, mas acho díficil.
      Só Lamento!

    8. Boa noite, venho informar ao senhor, contido respeito e ver o quanto devemos nos unir e ficarmos mais forte.
      Se ficarmos todos nesse pensamento ,continuaremos amassando barro
      Hoje Militares das forças auxiliares tem uma remuneração melhor, que militares da forças armadas
      Ex:comandante da PM ganha mais que um General de quatro estrela.

      1. Já percebi que o Montedo é contra a causa do Quadro especial. Se não for a sub, que possa ser feita a oportunidade do quadro especial chegar a 1S. Eu como do quadro especial por ficar oito anos na mesma seção cansei de passar serviço pra sgt recém formado, assim como tinha a senha master do setor onde trabalhava e via VÁRIOS companheiros do meu quadro na mesma situação. Além de tudo tive q passar por três processos de formação além de dois concursos internos. Muito triste ver a desunião aqui nos comentários.

  3. O Sub ten aí pelo que parece foi o maior baba ovos de oficiais enquanto na ativa,mais o presidente Lula não vai dar o gosto a vcs de ficar como o Bozo fazia quando ainda na presidência debochando de mortos,e ente queridos durante a pandemia…
    Na época em que os QEs foram promovidos pela presidente Dilma Russef foi dito a mesma coisa que QE não poderia ser promovido pois os mesmos não fizeram cursos,e muito menos a Esa,mais uma mulher de fibra e coragem enfrentou os Preconceituosos com uma única canetada…

  4. Sobrou só o saco do Papai Noel 🎅 e nem vestígio dos ovinhos do Coelhinho 🐇 da Páscoa na caça ao ninho… quem sabe a QESADA passa a acreditar na fada do dente…é só arrancar um e deixar embaixo do travesseiro… Aí vai…

    1. Quadro especial bem antigo e finalizado em 92, são profissionais do bom, o exército deveria incluir e fazer um plano de carreira para o Quadro especial. Q E ajudou fazer e multiplicar as finalizado do exército, força armado sabia que tinham criado uma linha de planos de carreira singular, e não deviam ficar de fora da sua nova linhas de combatentes, sempre deixar de lado e não funciona. Dariam mas força para quadro especial chegar na luta, pq ninguém ficam muito no posto de graduação. Hoje veja o sgt de carreira chegar a cap depois de 30 anos de serviço e talvez e não é oficial da aman. Fala aí e muda de pensamento novo e horizonte.

  5. Tudo mentira, os jurunas estão vivendo na esperança que este governo corrija erros passados.
    O ministério da defesa nunca mexeu uma palha em favor de praça.

    1. Fique Tranquilo que Este tipo de Expediente para Ganhar Dinheiro Você Precisará fazer em breve. Os QEs Querem o Direito Estabelecido no Artigo 42 da Constituição Federal, conhece? Não. O Dinheiro é a Forma menor de reparar Injustiças feitas . Mas parece que a Miséria moral cega. Comprendo.

      1. Esse direito a que vc se refere é exclusivo pra funcionarios concursados de carreira ,que entraram por meio de concurso Público!E proibido segundo norma do stf dar prosseguimento e Promoções pra quem nao prestou concurso Público!

      2. O Art 42 se refere às Polícias Militares: “Art. 42 Os membros das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares, instituições organizadas com base na hierarquia e disciplina, são militares dos Estados, do Distrito Federal e dos Territórios.” É “impissionanti” agora querem ser promovidos nas PMs!

    2. Tem gente viveu dentro da força armado como moita nunca passou por uma situações ruim, agora, sem experiência da vivência militar, depois de 30 anos chega a cap qao, cheio de moral como se da aman, depois que fazer falancia, quadro especial finalizou 92, força que criou esse quadro para suprir a mão de obras e desenvolver Amazonas com projetos calha norte, esse combatente ficam de fora do plano de carreira do força. Exército deveria fazer plano para quadro especial também são militares de carreira conforme segue a carta Magna do Brasil. A força cresceu com apoio desse profissional de baixa graduação, este caso é solicita apoio da classe política do Brasil. Pq se for esperar nunca vai sai do papel.

    3. Quanta infantilidade nas palavras quanta covardia atras de uma tela opiniões são diferentes de palavras vazias tornando se amaldiçoado por toda eternidade Deixe a compreensão tomar seu rumo
      Não seja um obstáculo por mero achar maligno todos sofrem um dia em algum momento

  6. Ninguém aguenta mais!
    Mas vou repetir lenga-lenga cansativo.
    “Obviedade de oratória enfadonha”

    “Os senhores estão passando por cínica dominação psicológica por meio de táticas enganosasas sem qualquer sustentação legal, de juízo.
    Porque estes picaretas sabem que o sujeito, o honesto cidadão em dificuldades financeiras se agarra em qualquer ficção, bom-mocismo, simulacro a fim de estancar sua sangria econômica familiar (o que é justo).

    Não esperem milagres de taumaturgos milagreiros:
    – não há menor possibilidade desses devaneios se tornarem oficiais.
    Nunca, jamais em tempo algum:
    – o cínico Nine fingers cachaceiro irá contrariar os Cmt das tres Forças por infundada promoção sem base ou alicerce legal (argumento absolutamente sem embasamento teórico).
    O Tempo, neste caso específico, ‘não é’ mais o senhor absoluto da razão.

    A manipulação Emocional Surreal:
    – O Honesto Cidadão, Há Décadas Na Reserva, Dorme Cb/3º QE E Acorda STen.
    Fantástico, sobrenatural sem nunca ter sido aprovado nos exames de seleção.

    Senhores, Com Todo Respeito Que Merecem, Isso Além De Ficção É Covardia.

    PeTê e suas clássicas falsas expectativas, ardilosas promessas.

    1. A Verdadeira Manipulação Surreal Ocorreu por 28 anos e mais 4 de Presidência de Bolsonaro. A Constituição é clara Quanto todo Funcionário ter o Direito à Progressão de carreira. E por Que os Sgts e Cabos QEs Não tiveram? Cumpra_se.

      1. Não fazem juz a tal situação, a Legislação é evidente, para tal o Mérito se aplica Apenas aos
        Integrantes incorporados Via concurso Majoritàrio e sendo efetivados via escolas fe Formaçao.

      2. Progrediram sem sequer passar por concurso público que caracteriza a entrada no serviço público para ter uma progressão na carreira que não tem…

    2. Falaram que jamais sairíamos 2°Sgt, e saimos, Igualando ao quadro de cornetiros. Ninguém acreditava, hoje é fato, foram OS QEs QUE TIraram o B…….Ta.

    3. Com a criação do QESA/qTA, muitos dos taifeiros foram promovidos na ativa a graduação de segundo Sargento e na reserva a Suboficial sem concurso e voces não falaram nada. Onde, também, muitos cabos que foram para escola de especialista e chegaram a serem promovidos no máximo a graduação de segundo e primeiro sargento e foram para a reserva nessas graduações e voces nada falam.

    1. Utilizarei umas das Guarnições que servi como embasamento.
      Em Bagé-RS nunca vi Sargentos do Quadro Especial passar fome.
      Muito pelo contrário, participei de churras em suas residencias próprias, famílias bem estruturadas e sem qualquer situação financeira crítica.
      Todos muito felizes e alguns tocando negócios rurais, “peleando” honestamente e faturando um extra.
      Sua afirmação não Faz O Menor Sentido!

  7. Máhrcio uma falta de consideração com os sgt do quadro especial os. Sgt co quadro especial tira serviço como os sgt de carreira da estrucao assume carteira da documentação igual os de carreira porque não pode ser reconhecido como eles disse:

    Boa tarde meu nome e Márcio isso e uma falta de consideração com os sgt do quadro especial . porque quando foram promovido foram direto para a escala de sgt assumiram carteira de documentos como sgt de carreira foi sgt responsável para fazer escala furriel reserva de material etc porquê não pode ser reconhecido também pelos bom serviço prestado e até mesmo que foi tirado dos direitos dos militares quando fosser para casa ir com um posto acima isso e direito adquirido e tiraram de todos nós injustamente quando entramos na força sabíamos que tinha esse direito E Outros como licença especial e gratificação de tempo de serviços isso tudo tirado não pode fazer uma lei para retroagir para prejudicar tem que criar uma lei Aparti da quela data para frente então já que não quer promover a sub promover a primeiro sgt e devolver os nossos direitos

    1. O direito adquirido de receber os proventos do posto superior n inatividade nunca foi retirado. Quem tinha direito à época permaneceu, da mesma forma que o tempo de serviço de 30 anos se manteve para quem tinha direito o direito adquirido. Em ambos os casos quem tinha tempo para a inatividade nada mudou.

  8. Tenho a impressão que os QEZITOS não estão pleiteando promoção por meritocracia.

    O mesmo regulamento que o GT se fundamentou para consolidar o relatório diz no seu artigo quarto,

    (…) As promoções são efetuadas pelos critérios de: I – antigüidade; (…)

    Subentende-se que houve erro administrativo por parte da Força que tem a atribuição de planejar a promoção das carreiras conforme o artigo 59, parágrafo único, do Estatuto dos Militares.

    1. Esse estatuto é para os concursados ,ademais quem entrou pra ser soldado e chegou a segundo sargento Já avançou muito na força,deveriam agradecer !

    2. Mediante os demais requisitos ou ocorreriam promoções ad aeternum, por isso existem o CAS e o CHQAO, senão Sgt de carreira sem o CAS, como já conheci, teriam progredido na carreira e os sem CHQAO sairiam QAO ou estes pleiteariam sair Major e poriam a culpa no EB por não terem acesso à EsAO.

  9. ST com Chacal vcs são tão desunidos que no final de Carreira ficam babando os Oficiais Chefe de Secao para poder sair Of QAO… Mas muitos dos QE desempenharam funçoes de ST Encarregado do Material E de 1 Sgt como Sargenteante como eu mesmo fui… E ninguém ganhou nada não! Desunidos

  10. Acho que os QEs merecem a promoção principalmente os da Marinha que entraram por concurso e passaram nas provas para sargento não foram por questão de vagas na época, depois a marinha mudou a regra adotando uma prova simples de conhecimentos navais que qualquer marinheiro sabe bastando tirar 5 e ainda eliminou a redação e por covardia impediu que os antigos fizessem essa prova se a Marinha tivesse liberado os antigos fazerem essa prova acredito que estaria livre dessa questão dos QESAs.

    1. Eu entrei por concurso,” tf* 1 ano e 4 meses de curso, 3 mess curso de CB de com,mudança de qualificação militar mais três meses de curso CB cavalaria, interstício de 8 anos para promoção de tarefeiros t2 para t1 de t1 para mor foram mais de 14 anos quase o dobro no mínimo,sou casado com uma filha de tf mor da aeronáutica, foi este depoi de muito tempo promovido na reserva a sb oficial, fiz de tudo na minha época só não lavei roupa, fiz muito serviço de festas nas residências e no quartel, por incontáveis vezes chegava às 05:30 e saia na madrugada para dormir em casa e me levantar novamente as 04:45,então …..

  11. Quando não tinha escola de Sargento acredito que as escolhas eram feitas dentro do quartel ano 80 quando servi tinha 1Sgt e sub que nem estudo tinha …. a Pmerj não tem escola entra Sd w a carreira leva a Sub… isso não afeta nos demais militares de escola

  12. Na hora de publicar em boletim nomeando os sargentos do quadro especial a receber carga e assumir funções que contrariam o próprio regulamento do exército pode , mas promover a posto superior não . O cabo a ser promovido a sargento do quadro especial diz a legislação , deverá ocupar as mesmas funções de cabo .

  13. Frase de sempre:

    “Quando a política entra pela porta da frente dos quartéis, a disciplina e hierarquia sai pela porta dos fundos”. É fato.

    1. É só ver o que aconteceu no governo Bolsonaro. O presidente LULA já deu a missão para os Cmt de forças afastar a Força da política, então a missão está sendo cumprida. Nem precisa desenhar.

  14. Os maiores opositores dessa promoção são os próprios graduados. Na cabeça deles existem dois tipos de pessoas, as que foram pra escola de Sgt e as que não foram. Os CBs da aeronáutica, se não me engano de 2000 pra frente, todos são concursados, fizeram concurso pro CFC e assim como os taifeiros, estão correndo atrás de sua promoção. Se vc não acha justo ou não essa possível promoção, não se preocupe com a grama alheia, façam como os QEs, busquem melhorias pra vcs tbm, não criem confusão com os nobres guerreiros que usam a mesma farda que vcs.

    1. Deveria pagar compensação orgânica como PQDT para todos os militares, isso não alteraria o salário de quem realmente ralou na área de estágio para sair PQDT e realmente salta de aeronave.

  15. Heitor, vc é muito desinformado.Os militares da Marinha, do QUESM, entraram na Marinha, por concurso público, que na época eram feitos no Maracanã, no Rio de janeiro.Quando eu fiz esse concurso para escola de aprendiz da Marinha, o Maracanã, estava lotado para esse concurso, parecia até jogo do flamengo, mais de 60.000 candidatos para 800 vagas. Então não fale besteira, que nós da marinha, entramos por mero alistamento, e queremos ser promovidos, nós presos concurso público, para entrarmos na marinha, e não alistamento, procure se informar melhor, antes de ficar falando asneiras.
    Os Militares da Marinha, merecem sim a promoção a Suboficial, falo da Marinha, pois pertenço a essa Instituição militar.

    1. O QUESM é o quadro destinado a militares que nunca tiveram aprovação em concurso interno de sargento. Quer dizer, as vagas ainda são destinadas ao público interno!

  16. Vou resumir em uma fábula. Pois não adianta que vocês pensam. os QEs vão continuar fazendo o que a consciência mandar. Pois qualquer idiota pode fazer críticas. Vocês que são invejosos,mal amados, recalcados e ainda uma paixão platônica pelos QEs. Um homem ia com o filho levar um burro para vender no mercado.

    – O que você tem na cabeça para levar um burro estrada afora sem nada no lombo enquanto você se cansa? – disse um homem que passou por eles.

    Ouvindo aquilo, o homem montou o filho no burro, e os três continuaram seu caminho.

    – Ô rapazinho preguiçoso, que vergonha deixar o seu pobre pai, um velho andar a pé enquanto vai montado! – disse outro homem com quem cruzaram.

    O homem tirou o filho de cima do burro e montou ele mesmo. Passaram duas mulheres e uma disse para a outra:

    – Olhe só que sujeito egoísta! Vai no burro e o filhinho a pé, coitado…

    Ouvindo aquilo, o homem fez o menino montar no burro na frente dele. O primeiro viajante que apareceu na estrada perguntou ao homem:

    – Esse burro é seu?

    O homem disse que sim. O outro continuou:

    – Pois não parece, pelo jeito como o senhor trata o bicho. Ora, o senhor é que devia carregar o burro em lugar de fazer com que ele carregasse duas pessoas.

    Na mesma hora o homem amarrou as pernas do burro num pau, e lá se foram pai e filho aos tropeções carregando o animal para o mercado. Quando chegaram, todo mundo riu tanto que o homem, enfurecido, jogou o burro no rio, pegou o filho pelo braço e voltou para casa.

    Fábulas de Esopo – Companhia das Letrinhas

    A partir da leitura do texto, identifique a moral da história:

    ? Quem quer agradar todo mundo no fim não agrada ninguém.
    ? Falar é fácil, fazer é que é difícil.
    ? Quem segue devagar e com constância sempre chega na frente. Nada melhor que um dia após o outro. O tempo é o senhor absoluto da razão.

  17. Sargentinho “de escola” que fica torcendo contra tem que saber que enquanto vcs estavam sendo remunerados por anos só pra estudar, outros já estavam com a mão na massa fazendo a máquina funcionar… Respeito é bom…

    1. por que você não meteu a cara nos livros para estudar para a ESA Também?
      Seria comodismo?
      Ou seria o medo de ser transferido para lugar distante da cidade/Estado de origem?
      Ou Ser cabo era o melhor de dois mundos (não fazia faxina porque não era mais soldado e não mandava (ficando livre da responsabilidade pelas ordens que emitir) porque não era sargento?

    2. Pois é, estavam justamente se formando após prestarem concurso público e poder ascender na carreira ao invés de ficar de favor na Instituição…

  18. Esses sgt de carreira se acham. Chegam da escola uns bisonhos. Não sabem nada. Aprendem com os QE. Daí se acham no direito de dar palpite sobre carreira. Eu fui 15 anos responsável pela seleção de temporários. Me chamavam de Presidrnte da CS. Pois não tinha nenhum que se dizem de carreira que aguentasse a pressão.uns falsos que só pensam em si mesmos.

    1. Qual carreira QE tem? que carreira os de escola têm?

      Esse Quadro Especial está extinto, havendo pouquíssimos ainda na ativa. O e1 (vulgo Estatuto dos Militares) proíbe promoções de militares da Reserva Remunerada, então, essa promoção fantasiosa não irá rolar…

      você pode ter sido, no máximo, auxiliar da CS – já que Presidente da CS é função privativa de oficial (mesmo que você faça todo trabalho, você sabe que não tem poder/Legalidade nenhuma para assinar sequer um simples cartão de cabelo do EV).

      Por fim, se vc em 15 anos – na mesma função – não a dominasse, eu diria arrego!!!

      1. Seu imbecil, ele disse que o chamavam de ” presidente da CS” ele não disse que era o presidente da CS. Aprenda a interpretar um texto seu mentecapto.

  19. Quadro “de escola” que fica torcendo contra tem que saber que enquanto vcs estavam sendo remunerados pra estudar, outros já estavam com a mão na massa fazendo a máquina funcionar. Respeito é bom…

    1. man, se os “de escola” são remunerados para estudar, deve ter sido porque os mesmos foram aprovados EM CONCURSO pÚBLICO NACIONAL.
      mas eu entendo que você não sabe que os alunos “de escola” possuem alguns gastos obrigatórios nas Escolas de formação, já que você nem sabe onde fica localizada a ESA ou o que seja um concurso público.

  20. Os caras toda hora vem que não existe previsão jurídica isso? Mas existe previsão política e pronto. Não é o ministério da defesa e nem general que assina lei. A lei sendo assinada simplesmente se cumpra a você querendo ou não. Por isso já estou colocando na melhor que um dia após o outro. Vocês que torcem contra. Os mal amados ,recalcados, invejosos e por paixões platônicas ao QEs. Vão cuidar da vida de vocês e da família. Pois quem muita cuida a grama do vizinho o que acontece??????? A resposta da promoção vai ser dada no momento certo assim como Gisele para alguns QEs saíram segundo sargentos QE, mesmo você sendo contra.. Novamente vou colocar uma frase. Qualquer idiota pode criticar agora poucos lutam e fazem alguma coisa, pois é mais fácil eu criticar os outros do que tentar melhorar para mim. O tempo é senhor absoluto da razão

    1. Concurso da ESA estará disponível em 2024. É só se inscrever, pois mesmo não podendo, se pode dar um “jeitinho”.
      Bom papiro e Boa sorte!!!

    2. Excelente. Muitas palmas pra vc amigo. No mínimo precisamos de senso de justiça aos qE’s. Se a força terrestre não entende isso, alguém do parlamento está a favor da justiça pelos QE’s. Não fomos formados na ESA, mas, o EB nos formou desde soldado durante anos até chegar onde chegamos. Fomos forjados no 🔥 até às promoções subsequentes. Fora o ensino médio que já tinhamos e os cursos suplementares em cada QM: saúde, Mont, aprovisionamento, etc… Pra melhorar nossa performance durante nossos anos na caserna. Eu por exemplo sou de 1983 e no final dos anos 90 já era enfermeiro formado pelo Senac. Sou si serviço de saúde.

  21. Fiquem tranquilos, Sgt QE’s. O Hélio Negão, como representante das praças no Congresso, está brigando pela sua promoção à ST QE.
    confiem nos seus chefes/Comandantes.

  22. Segundo meu informante de inteira confiança, no forte Apache, Dia 30 Fev 2024 sairá a promoção a ST QE.
    Minha fonte garantiu que, a promoção será votada pelo Congresso (em pleno recesso de carnaval) e será sancionada pelo presidente no referido dia.
    E que, ainda, será criado mais 1 feriado nacional em homenagem aos QE (Dia 8 dezembro) e que, também, será inaugurada 2 monumentos em homenagem ao citado Quadro (1 em frente do HFA, para lembrar daqueles que baixavam/viviam baixados e 1 em frente ao QG eB, para lembrar daqueles que – milagrosamente – ganharam apto em IS para poder pegar alguma boquinha rica – especialmente, BRABAT no Haite, como motorista de General).

    1. Perdeu muito tempo escrevendo esse texto menosprezando uma classe de militares excepcionais, mas como em qualquer classe tem pessoas boas e ruins. Aposto que se for militar não gasta esse tempo para fazer seu trabalho e só faz na pressão, pois boa parte dessa geração que está no Exército é tudo preguiçoso.

    1. Improvável q ocorra este ano, pois um PL, oRIGATORIAMENTE, tem q passar 2x na Câmara dos Deputados e no Senado Federal para depois ir à sanção presidencial. EsMB 1995!!!!

  23. Essa questão é meramente política, pois não tem nada a ver com meritocracia, justo ou injusto, legal ou ilegal, merecem ou não merecem. Explico.
    Os sargentos do QE do exército, parte deles pelo menos, foram promovidos no final de 2013 a segundo sargento mesmo contra parecer do exército. Tudo ocorreu na surdina, pois havia uma medida provisória tramitando no congresso nacional e alguém inseriu o famoso “jabuti” na medida provisória, e assim o pessoal do QE do exército tiveram direito a mais uma promoção. É o que está posto na lei n° 12.872, de 24 de outubro de 2013.
    Mas vamos aos fatos e porque digo que é questão política. A lei n° 12.158/2009, que é a lei que autorizou a promoção dos taifeiros até a graduação de suboficial, tem por parâmetro a lei n° 3.953/1961.
    A lei n° 3.953/1961, em seu §2° do art. 1°,isentou os taifeiros de curso de especialização (CAS) para terem acesso até a graduação de suboficial. Logo a alegação do que o pessoal do QE do exército não podem ascender a graduação de subtenente por não possuírem o CAS, no meu entender é uma questão superada.
    A lei n° 12.158/2009, em seu ART. 1°, expressamente, garantiu a possibilidade de promoção, dos taifeiros, que se encontravam na reserva. Logo, dizer que o pessoal do QE do exército que está na reserva não serão alcançados, em caso de uma possível promoção, também no meu entender é uma questão superada.
    Por isso que digo que é uma questão política. A questão não é ser contra ou a favor, mas entender que na política uma “canetada” muda muita coisa.

    1. Tem lógica esse seu comentário. Creio q essa possibilidade de promoção do Sgt QE as graduações de 1º Sgt/ST ocorrerá em 2026, ou seja, ano de eleições gerais. EsMB 1995!!!!

    2. Os taifeiros eram amparados por essa estranha lei de 61 ,e o passivo na Justiça era enorme porque Não havia impedimento pra que eles chegassem a suboficial ,muito diferente dos QES ,que não São amparados por nenhuma lei ,e 0 impeditivo de só sair primeiro sargento quem possui CAS ! Ademais a regra É afastar o quartel da politica ,ditado pelo proprio lula ,ele jamais vai ir contra os comandantes depois de toda a historia da politica ficar fora da caserna !

    3. As pro,oções foram reconhecidas pelo fato de não existir curso ou concurso para promoção a 2º Sgt mesmo para os de escola e para aplacar uma demanda judicial já reconhecida desde 1985.

    4. A lei de 2009 foi para evitar o pagamento de indenização desde 1961 como consta na própria lei e a promoção a 2 Sgt foi devido a uma demanda jurídica já julgada e teve a mesma finalidade. A promoção a ST apenas dizia respeito à demanda legal de 1961 ou os QE teriam sido promovidos junto, o que não ocorreu, além de liminar o universo dos militares abrangidos pela medida. A promoção a 2 Sgt limitou as promoções de forma inversa sem pleitear a reserva.

  24. Anotem aí. Dia 30 de fevereiro de 2024, será assinada pelo presidente Lule, a promoção de todos os QE’s da ativa à graduação de subtenente.

  25. Muito triste isso! Um exército dividido por pessoas que se acham melhores que outros! Ninguém quer tomar lugar de ninguém! Simplesmente estamos correndo atrás do nosso reconhecimento! Tivemos competência e profissionalismo para cumprir nossa missão! Não tem a mínima necessidade de humilhar .

    1. O EB SEMPRE foi dividido: Of AMAN X Of Médico Carreira x Of QCO X Of QAO X Of temporário. Of x Graduados. Sgt Carreira x Sgt QE X Sgt temporário. as mídias sociais, apenas, deixaram público essas questões internas da caserna. EsMB 1995!!!!

  26. Para Marcus Teixeira, De
    23 De Dezembro De 2023 Às 17:11

    O Art. 42 Da CF, Diz Respeito Às Polícias Militares E Corpos De Bombeiros Militares, Não Está Previsto Para As Forças Armadas.

    DOS MILITARES DOS ESTADOS, DO DISTRITO FEDERAL E DOS TERRITÓRIOS

    Art. 42 Os Membros Das Polícias Militares E Corpos De Bombeiros Militares, Instituições Organizadas Com Base Na Hierarquia E Disciplina, São Militares Dos Estados, Do Distrito Federal E Dos Territórios.

    § 1º Aplicam-Se Aos Militares Dos Estados, Do Distrito Federal E Dos Territórios, Além Do Que Vier A Ser Fixado Em Lei, As Disposições Do Art. 14, § 8º; Do Art. 40, § 9º; E Do Art. 142, §§ 2º E 3º, Cabendo A Lei Estadual Específica Dispor Sobre As Matérias Do Art. 142, § 3º, Inciso X, Sendo As Patentes Dos Oficiais Conferidas Pelos Respectivos Governadores. (Redação Dada Pela Emenda Constitucional Nº 20, De 15/12/98)

    § 3º Aplica-Se Aos Militares Dos Estados, Do Distrito Federal E Dos Territórios O Disposto No Art. 37, Inciso XVI, Com Prevalência Da Atividade Militar.

  27. Tenho muito orgulho de ser do quadro especial e digo com segurança que muitos sargentos de escola da minha especialidade sentavam no meu colo para aprender o serviço da seção e se escorava o tempo todo, por que nunca sabiam de nada, mas claro o cabo velho matava no peito e assumia a seção e o sargento de escola ficava sempre enrolando e recebendo as promoções até chegar a suboficial sem saber um artigo do Risaer, Rdaer, Rumaer, etc.

  28. “Chegam da Escola e aprendem com o QE”. Sinceramente, essa é uma das grandes falácias da caserna. Há outras, é claro, mas essa é bem comum.
    Em 33 anos de carreira só vi 1 QE tocar a seção nas costas. Era o Papa da 3a seção. E isso foi lá nos anos de 92 a 98. Depois disso, nunca mais vi.
    Claro que vi militar de carreira nó cego. Tanto Sgt, bem como oficias.
    Mas seguiriam o caminho certo, para efeito de carreira. Não significa que era o caminho certo para vida pessoal.
    Isso não passa de jeito nenhum.
    Essa conversa se arrasta e continuará assim, não sei por quanto tempo. Talvez até quando não existir mais nenhum QE; da ativa ou da reserva.
    Interessante que não se vê praça de carreira buscando um jeitinho de chegar até coronel, mas QE querendo sair Sub…
    Bem, talvez, se os QE conseguirem chegar até Sub, vão buscar o QAO e depois, coronel.
    Vai que…

  29. Fácil de resolver. Promove os QE a ST, mas para isso, terão que voltar para ativa (os que estiverem na reserva ou Reformados) e ficar 10 anos para atingir essa promoção a ST (5 anos – a contar da data da lei/Decreto de promoção para atingir a graduação de 1º sgt e mais 5 para chegar a ST).

    Claro, tirando serviço, fazendo sindicância, PAS, formaturas mil, Exame de pagamento, campos, Instrução, SGD, TAF, TAT, pegando transferências para guarnições “boca podres” etc…

  30. Coitados dos QE, tiveram seus direitos causados.
    Os mais jovens que fucam aqui a criticá-los não sabem:
    – os pobres eram proibidos pelos seus Comandantes de fazerem inscrições para qualquer Concurso para as FFAA.
    QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA E SEJAM PROMOVIDOS A CAPITÃO QAO COM CHQAO.

  31. Bom dia, fico impressionado, na véspera de Natal uma matéria dessa, sem nenhuma informação relevante, só para um monte de sem noção falar mal da classe do pessoal do Quadro especial. Quem está torcendo contra deveria procurar um médico, pois tem algum problema psicológico. O pessoal do quadro Especial tem condições de ser sub tenente tranquilo, pois a maioria já trabalhou em todas as funções, inclusive função de sub ten. Em relação há não fez concurso! os cabos passaram por uma seleção rigorosa dentro do exército, ficaram os melhores. Há não tem curso de Formação e aperfeiçoamento (foram proibidos de fazer)! O pessoal QE aprendeu na prática e vocês que estão falando mal não trabalharam com os QE ou trabalharam e são mal agradecidos, pois sabem do valor de um QE nas unidades. A maioria do quadro Especial não teve direito a quase nada durante a carreira( transferência, PNR, cursos…) então nada mais justo que essa promoção, detalhe não precisa promoção na ativa, a grande maioria só quer melhorar o salário, não quer Status de ST, só quer melhorar a qualidade de vida da família.
    Feliz Natal a todos.

  32. O parlamento e o presidente da República decide. Lamentável,tanta maldade com seus próprios pares, no meio civil não existem estas maldade Deus da as decisões corretas.

  33. Rapaz, interessante, escolhi a QM 00/010 corneta/clarim , fiz, concurso passei fiz exame físico passei, fiz curso de formação de sargento, passei fui promovido a 3 sgt apos 5 anos foi promovido a 2 sgt, até ai tudo bem,acontece que durante o cF o diretor do curso nós informou que somente seríamos promovidos até 2 sargento e não poderíamos fazer o CAS, se quiséssemos continuar sendo promovidos teríamos que mudar de QM para Musico, ou continuaríamos 2 sgt até a morte, pois bem acontece que os sgt corneteiro são da tropa como são cursados podem exercer diversas carteira administrativas, foi meu caso como não era da banda de música fiquei na tropa, e quando ia fazer prova pra trocar de QM. Lavava, pau, resultado ate hoje já na reserva contínuo 2 sgt. Vendo essas notícias sobre os QE serem promovidos a ST ,pergunto seria melhor eu não ter feito o CFS e ficado somente com o CFC . Um abraço.

  34. Cadê o cumpanheiro Decréscimo? Tão falando que foi visto em Miami curtindo uma praia com cerveja gelada. Precisamos urgente que o cumpanheiro Descréscimo interrompa sua férias e tenha uma reunião com painho fora da agenda pra resolver de vez nossa promoção. Eu ainda não esqueci da rasteira do dia 9/12.

  35. Uma discussão sem fim e até parece que houve algum impedimento legal para qualquer um poder prestar concurso para qualquer formação que fosse e devesse por este motivo ser promovido sem a referida formação. Cada um sabe a porta que escolheu entrar nas FA e sabia onde ela levaria. Já servi em Unidade com Comandante que havia entrado como soldado e não foi promovido por ser bom ou mal, mas por ter prestado concurso para estar onde estava. Nada cai do seu a não ser que se derrube!

  36. Enquanto isso o QUADRO ESPECIAL DE SARGENTOS DA MARINHA (QESM), como sempre deixado para trás/Abandonado/Esquecido.
    Infelizmente não vejo nenhum contato no RADAR.
    Porém irei sustentar o fogo 🔥.
    É uma pena 🪶 como sempre fomos, somos e seremos sempre traídos.
    Tá puxado.
    “Nosso Barco, Nossa Alma!”
    NBNA

  37. Parece que os QE odeiam ser QE e a redenção seria a promoção como forma de aplacar qualquer frustação. Valorizem-se pelo que são e são capazes e não se iludam com o canto da sereia, procurem modificar o que está ao alcance como a vida particular e familiar e uma retribuição remuneratória mais equânime, promoções mexem com o imaginário mas estão em um limbo improvável e servem mais aos políticos como objetos de ocasião ainda mais em um seguimento que está em extinção e não deve pesar para qualquer decisão no âmbito da FA. Bom Natal e Feliz Ano Novo a todos!

  38. Unica vez q vi QE trabalhar foi quando surgiu a missão no Haití, os aleijados voltaram a andar, fizeram até TAF, o pessoal q tinha alergia a farda voltou a usar. Santo Haití.

    O quadro acabou, os q ainda estão na ativa estão só por causa de pnr, vão pra casa curtir os netos, já ganharam demais sem merecer.

  39. A proposta de promoção é de 2012 e por quê só agora se discute tanto? Justamente depois de os militares terem tido todas as possibilidades junto ao Governo Federal no Governo anterior e com grande apoio de militares de todos os “estamentos”? Não é melhor cobrar a resposta da questão dos “Chefes” que sempre se dizem preocupados com a tropa? Até parece que os QE tem o poder de se promover e os de Escola de evitar a promoção.

  40. O QE se fosse inútil, a FAB não os colocaria como encarregados de setores e CMT de Guarda. Muitos Cabos foram e são encarregados de setores. Por que não os querem valorizar em promoções? Há tá, mão de obra competente e barata.

  41. E os responsáveis por ter criado está situação à margem da lei jamais serão responsabilizados e é por isso que a União está abarrotada de ações de militares e bastaria dar uma cópia da bem forte nos responsáveis para correção.

  42. Os que falam mal dos Sgts do Quadro Especial são os mesmos que na época fizeram a prova para escola de sargentos nível oitava série e que conseguiram atingir o oficialato até o posto de Capitão sem cursar academia, então por favor não queira desmerecer os Sgts do QE que são ou foram excelentes profissionais do mais alto nível…

  43. Li os artigos escrito pelos nossos colegas militares e sinto muita tristeza porque, ninguém é melhor de que ninguém independente de posto ou graduação, se alguém de um quadro quer a melhoria do outros poderia aplaudir porque atrás desses homens, tem sempre uma história de valor que deve ser enaltecido. não se deve humilhar o próximo porque,vos digo que todos irão morrer ninguém escapa . então, gente vamos unirmos, vamos dar as mãos ,os sargento não podem se decladiar seja do quadro especial ou do outro quadro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo