Lula se equilibra entre a sede de vingança e a cautela com os militares

Lula: é provável que petista tenha sentido vontade de disputar o noticiário negativo com Bolsonaro. Conseguiu
Imagem: montagem sobre foto reprodução do Youtube

Presidente quer punir golpistas fardados, mas sem abrir uma crise com as Forças Armadas

Daniel Pereira
O governo reagiu rápido à revelação de VEJA de que uma varredura da Polícia Federal num celular do tenente-coronel Mauro Cid, ajudante de ordens do então presidente Jair Bolsonaro, encontrou documentos, estudos e até um detalhado roteiro que previam a anulação das eleições, o afastamento de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e a decretação de uma intervenção militar. Tudo com o objetivo de manter o capitão no comando do país.

Na sexta-feira 16, um dia após a divulgação da reportagem, o ministro da Defesa, José Múcio Monteiro, e o comandante do Exército, general Tomás Paiva, se reuniram com Lula e comunicaram ao petista que o coronel Jean Lawand Júnior, que suplicou a Mauro Cid para convencer Bolsonaro a dar um golpe de Estado, não assumiria mais uma representação militar em Washington, nos Estados Unidos, para a qual foi indicado em fevereiro.

Eles também convenceram Lula de que qualquer sanção mais severa a militares, como a expulsão da corporação, dependerá das apurações em curso no Supremo e terão de respeitar o devido processo legal. O petista concordou. Ele quer punição aos militares envolvidos em aspirações golpistas, mas, ao tempo tempo, trabalha para evitar uma crise institucional com as Forças Armadas. Apesar da sede de vingança, Lula sabe que não vale a pena bater de frente com a corporação, que, apesar de sua postura legalista, não morre de amores por ele.
veja

7 respostas

  1. “Sede de vingança”? Isso foi fofoca de quem escreveu.
    Qualquer um que deseje justiça não pode ser considerado vingativo.

    1. Repito…
      Não estamos em 2002!
      O país está cada vez mais polarizado!!!
      Lula Está mais uma vez menosprezando as legiões!!!
      ….o cachorro por mais fiel que seja deixa de abanar o rabo e começa a ranger os dentes quando a fome está começando a apertar!!!

  2. Lula Deveria conceder é um reajuste nos soldos para baixar a fervura no caldeirão….isso Sim!!!
    Afinal…não estamos em 2002…fica a dica!!!

  3. O Lula tem que colocar na Cabeça que ele não vai se perpetuar no governo, e é bem provável que saia logo em 2026. o TSE vai tornar o Bolsonaro Inelegível, mas qualquer um é melhor do que o Lula, ele caminha para ser um Zé Ninguém na política.

  4. Se ferrou quem, por vingança de não ter sido contemplado com a reestruturação, votou no barbudo só por mágoa do Bolsonaro. No mínimo 4 anos sem aumento. Toda burrice tem limite.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo