Análise: Novo comandante faz primeira reunião com generais

General Tomás

O alto comando do Exército fez nesta terça-feira (24) a primeira reunião sob a chefia do general Tomás Paiva. A reunião coincidiu com a exoneração do secretário-executivo do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência (GSI). Os analistas da CNN Raquel Landim e Caio Junqueira, o comentarista Felipe Moura Brasil e o ex-ministro da Defesa Fernando de Azevedo e Silva comentam a mudança na liderança das Forças Armadas.


CNN Brasil/montedo.com

10 respostas

  1. A despolitização das FA ou a não ingerência na política é algo óbvio e cristalino.

    O que fizeram no último governo foi totalmente descabido.

    Porém, essa “despolitização” devia ter sido feito ainda no governo anterior.

    A forma como está sendo feita, dada as declarações que lemos na imprensa, não é despolitização, mas algo próximo da continuação da politização – agora feita pelo outro lado, pelo outro projeto político-ideológico.

    Pergunto: por que impedir a nomeação desse oficial? Já foi condenado?

    O próprio PresidentO LulO já declarou inúmeras vezes – ao defender ministros e colegas políticos respondendo a processos na justiça – que, enquanto não vier a Conclusão do processo, não se pode condenar a pessoa.

    O que está ocorrendo é que autoridades que se sentiram desprestigiada pelo governo anterior viram a oportunidade de serem “adotadas” por este atual.

    Simples assim.

    1. Forças Armadas não promovem guerras. Quem promove as guerras são os políticos que convocam as Forças Armadas para lutarem as guerras politicas.

      E se o Cel Cid não pode assumir por estar sendo investigado, nenhum Ministro do atual governo poderia assumir pois juntos, somam centenas de processos.

    2. kkk, cara pálida, pedir a cabeça de um militar somente por que o mesmo foi Aj de Ordem do JB. Não é fazer politicagem com o EB. A petralhada aparelha e destrói tudo por onde eles passam. São Gafanhotos

  2. O Banco Mundial da América Latina é agora, novamente, o BNDES. Trabalhem duro, paguem seus impostos em dia, não deixem de pagar o imposto de renda. A Pátria Grande agradece!.

  3. Essa matéria sobre a AIDS tem a ver com a imunidade e foi a VEJA que fez a matéria. Acusar é uma forma de cair na mão no judiciário e, a depender do julgador, eliminar adversários e desafetos do caminho.

  4. Golpismo e cloroquina se perderam no percurso, sem base nada se sustenta. A democracia venceu e fez alguém seguir destino antes mesmo de terminar o mandato.

  5. Queria saber, por ordem de quem, a tropa foi estimulada a aceitar o resultado das eleições já que se trata de uma manifestação politica, questionada pelos políticos, para despolitizar a tropa?

  6. Já assumiu sem pretigio nenhum com a população, bem como todo o exército, que em breve deve entregar seus tanques pra guarda nacional bolivariana. Que vergonha…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo