Escolha uma Página

Os lotes de hidroxicloroquina doados por Donald Trump, então presidente dos Estados Unidos, seguem encalhados nos armazéns do Ministério da Saúde e do Exército.
De acordo com a Folha, 745 mil comprimidos do medicamento estão com os militares. Cerca de 255 mil unidades haviam sido distribuídas a hospitais do Exército para o tratamento sem eficácia contra a Covid.
Na Saúde, que chegou a ter 2 milhões de comprimidos, cerca de 600 mil foram distribuídos para cidades que pediram a droga contra a Covid.
O restante (1,4 milhão de unidades) foi destinado para o combate a doenças previstas na bula da hidroxicloroquina, como lúpus e artrite reumatoide.
O Antagonista/montedo.com

Skip to content