Escolha uma Página
Soldado do Exército e comparsa tentam roubar moto mas condutor reage com tiros
O militar ficou ferido no ombro. Já o outro homem não resistiu aos ferimentos e morreu, em decorrência dos ferimentos na cabeça e no peito
O caso foi registrado na delegacia de São Roque e será investigado pela Polícia Civil
São Roque (SP) – Um homem de 27 anos morreu e seu comparsa, um soldado do Exército, de 19, ficou ferido após serem baleados no quilômetro 57 da rodovia Castello Branco, próximo a São Roque, na noite do último sábado (16). Segundo informações da Polícia Rodoviária, os dois, que estavam de moto, tentaram roubar uma outra motocicleta naquele trecho da rodovia, mas a vítima do assalto reagiu com tiros, acertando o militar no ombro e Ramon Rodrigues Pereira dos Santos na cabeça e no peito.
Conforme os policiais que atenderam a ocorrência, primeiramente, a equipe havia sido acionada para verificar um acidente de trânsito. Mas, a alguns metros do local, encontraram um homem caído com uma arma e uma moto ao seu lado. Foi então que, a partir de questionamentos por parte dos policiais, o rapaz contou que era militar e tinha tentado roubar uma motocicleta junto de um comparsa, quando foram atingidos a tiros pelo condutor. O autor dos disparos fugiu e não foi identificado.
Com o soldado, a Polícia Rodoviária apreendeu uma arma calibre 22 e que estava com a numeração raspada, além da moto utilizada pelos assaltantes durante a tentativa de roubo.
O militar foi socorrido ao Hospital Regional de Sorocaba. Assim que tiver alta médica ele deve ser detido pelo Exército. O caso foi registrado na delegacia de São Roque e será investigado pela Polícia Civil, que solicitará as imagens de uma câmera de segurança da rodovia para tentar identificar o autor dos disparos e também para saber como o crime ocorreu.
Jornal Cruzeiro do Sul/montedo.com
Skip to content