Escolha uma Página
Documentos secretos da ditadura ‘desapareceram’, diz Jobim
Ao argumentar que a proposta de acabar com o sigilo eterno de documentos não encontraria resistência nas Forças Armadas, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, afirmou que os papéis sigilosos do período da ditadura militar já “desapareceram”. “Não há documentos, nós já levantamos os documentos todos, não tem. Os documentos já desapareceram, já foram consumidos à época”, disse Jobim na segunda-feira. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.
“Não temos nada a esconder, todo mundo já conhece, não tem nenhum mistério”, afirmou Jobim. Segundo o ministro, a única preocupação das Forças Armadas era sobre a tecnologia empregada pelos militares. “Mas esta está preservada, não temos problema”, disse.
TERRA
Skip to content