Escolha uma Página
No Rio de Janeiro, um sargento do Exército confessou ter atirado num jovem homossexual, no fim de semana.
O rapaz contou que estava com os amigos ao lado do Forte de Copacabana quando foi abordado por militares e um deles atirou. O jovem foi ferido na barriga.
O Comando Militar do Leste fez testes nas armas de todos que estavam de plantão e um sargento acabou confessando o crime. Ele e um colega estão presos. O jovem esteve no Forte para reconhecer o autor do disparo.
Skip to content