Escolha uma Página
Eduaro Kopp
São Leopoldo (RS) – A Rede São Léo em Ação, Parceiros Voluntários – Unidade ACIS-SL e o 16.º Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado (GAC-Ap) promoveram ontem a 5.ª edição do Criança Cidadã, projeto que leva estudantes de São Leopoldo ao quartel para um dia de brincadeiras e oficinas. De acordo com a organização do evento, cerca de 500 crianças e adolescentes de diversas instituições de ensino leopoldenses participaram das atividades ontem durante todo o dia. 
Na programação, passeios em veículos do Exército, camuflagem, pista de corda, lanche e palestra sobre o ingresso no serviço militar. O sistema foi de rodízio: cada turma participou de cada oficina de forma alternada. “Para as crianças é diferente, um ambiente fora da escola. Acho que auxilia no desenvolvimento”, comentou a professora da Escola de Educação Infantil Bem-me-quer Ana Kelli de Oliveira. “E as crianças adoram”, finalizou. 
Pintura no rosto
João Vitor da Silva, 6, e Guilherme da Silva, 8, alunos do Centro Comunitário Infantil Thalita Kum, receberam pintura no rosto para camuflarem-se e não tiveram dúvidas: correram imediatamente para uma barraca também camuflada, onde a turma toda brincava. Alana Souza Hoffmann, 4, e sua colega Ingrid, 4, da Escola de Educação Infantil Bem-me-quer, preferiram a brincadeira na pista de corda, sob a orientação de soldados do 16º GAC-Ap. “Nem precisei de ajuda para passar pela ponte”, contou Ingrid.
Melhor edição desde o lançamento
Para a coordenadora da Rede São Léo em Ação, Jussara Chiaparini, o Criança Cidadã vem melhorando a cada ano, culminando em uma 5.ª edição que, na sua avaliação, foi um sucesso. “Este ano foi o melhor dos cinco, sem atrasos ou problemas. A cada edição melhoramos um pouco”, comemorou a coordenadora, agradecendo o envolvimento dos apoiadores e destacando a participação das escolas.
Foto: Carlos Félix/GES-Especial
Skip to content