Escolha uma Página
Marcelo Dutra

Após uma discussão, o major do Exército Bruno Ricchio, de 43 anos, matou a mulher Ana Lucia Trotta, de 40 anos, com um tiro de pistola calibre .40 e se suicidou a seguir. O crime ocorreu por volta das 17h30m desta 4ª feira (14) na Rua da Engenhoca, 180, Engenho do Mato, no bairro de Itaipú, na Zona Oceânica de Niterói. Segundo bombeiros do 4o Grupamento Marítimo (GMAR), o filho do casal, um adolescente de aproximadamente 12 anos, estava jogando video game num dos cômodos da casa e correu até a sala quando ouviu o barulho dos tiros. Foi ele a primeira pessoa a ver o casal morto, cada qual com um tiro na cabeça. A criança, em estado de choque, foi socorrida por um vizinho que chamou os bombeiros. Um médico do quartel Central do Corpo Bombeiros de Niterói atestou as mortes ainda no local do crime. [ … ] Ricchio foi promovido a major em 2008 e era farmacêutico do Exército. Ele era lotado na Policlínica Militar de Niterói (Pol Mil N), que fica na Praça do Expedicionário, 25, Centro de Niterói. 

Skip to content