IMAGENS: desembarque do novo caça Gripen da FAB

GRIPEN NO PORTO DE NAVEGANTES
Papai Noel trouxe mais um caça F-39E Gripen para a Força Aérea Brasileira. Em breve ele voará rumo à sua nova sede, na Base Aérea de Anápolis.

Navegantes (SC) – O avião matrícula FAB 4107 é o oitavo do tipo entregue ao Brasil. O primeiro, FAB 4100, que chegou em setembro de 2020, segue em Gavião Peixoto (SP) vinculado ao GFCT (Gripen Flight Test Centre).

Os demais caças Gripen, FAB 4101 a 4106, foram incorporados ao 1º Grupo de Defesa Aérea (1º GDA) na Base Aérea de Anápolis (BAAN), em Goiás. O FAB 4108 deve chegar em fevereiro de 2024.

Em outubro de 2014, a Saab e Governo Brasileiro assinaram o contrato para o desenvolvimento e produção de 36 aeronaves Gripen E/F, incluindo suporte logístico, armamentos, simuladores, equipamentos e treinamento.

Em 2015, a Saab deu início ao programa de transferência de tecnologia do Gripen, um dos maiores já realizados para a Aeronáutica e o maior já feito pela Saab para outro país. O programa visa proporcionar o conhecimento prático necessário para a execução de diversas atividades de desenvolvimento, produção e manutenção dos caças no Brasil.

Até 2025, mais de 350 engenheiros e técnicos brasileiros de empresas parceiras terão participado de treinamentos teóricos e práticos na Saab, em Linköping, na Suécia.

A maioria dos engenheiros trabalha no Centro de Projetos e Desenvolvimento do Gripen (Gripen Design and Development Network – GDDN), localizado na planta da Embraer em Gavião Peixoto, e na fábrica de aeroestruturas da Saab em São Bernardo do Campo, ambos no estado de São Paulo.

A Saab e a Embraer inauguraram em 9 de maio deste ano a linha de produção do caça Gripen E no Brasil na unidade de Gavião Peixoto (SP) da Embraer, que vai produzir inicialmente 15 das 36 aeronaves encomendadas.

 

 

Fotos: Portonave, via Saab do Brasil

PODER AÉREO

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo