Brasileiros e familiares que estavam em Gaza decolam em voo da FAB

Brasileiros repatriados de Gaza

Grupo que partiu do Egito é composto por 32 brasileiros e familiares, que buscam fugir da guerra entre Israel e o grupo extremista Hamas

Letícia Cotta
A aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) com 32 brasileiros e seus familiares decolou do Aeroporto de Cairo, no Egito, rumo ao Brasil na manhã desta segunda-feira (13/11). Eles estavam na Faixa de Gaza, em meio ao conflito que se estende há mais de um mês no Oriente Médio.

A previsão de decolagem era às 11h50 do horário local (6h50 no horário de Brasília). Três paradas técnicas estão previstas: uma em Roma, na Itália; outra em Las Palmas, na Espanha; e a última na Base Aérea do Recife, em Pernambuco, já no Brasil.

Já o pouso está previsto para as 23h30, ainda desta segunda (13/11).

No total, são 22 brasileiros; 7 palestinos com Registro Nacional Migratório (RNM); e 3 palestinos parentes próximos de brasileiros Itamaraty

A duração média de um voo do Egito para o Brasil é de 12 horas e 35 minutos, sem considerar as paradas técnicas.

As 32 pessoas passaram pela imigração no último domingo (12/11) e seguiram para a aeronave. O grupo havia cruzado a fronteira entre Gaza e o Egito, no Portal de Rafah, na madrugada.

No domingo (12/11) à noite, o grupo já estava hospedado em um hotel na capital egípcia, onde foram recebidos por uma equipe médica da FAB.

Saiba mais sobre os repatriados:

    • 22 brasileiros;
    • 7 palestinos com Registro Nacional Migratório (RNM);
    • 3 palestinos parentes próximos de brasileiros;

No total, há 17 crianças; 9 mulheres; e 6 homens.
Eram, ao todo, 34 pessoas, mas duas delas desistiram de retornar ao Brasil e optaram por continuar na Faixa de Gaza.

No grupo que poderão deixar a Faixa de Gaza está Hasan Rabee, que registra todo o processo nas redes sociais e mostrou algumas dessas pessoas dentro de um ônibus, Shahed al-Banna e Bader Monir.

Ainda no domingo (12/11), os filhos de brasileiros correram pela praia de Al Arish, no Egito, pela primeira vez. À noite, o grupo já estava hospedado em um hotel na capital egípcia, onde foram recebidos por uma equipe médica da FAB.

Esquema de repatriação dos brasileiros
A repatriação realizada pelo governo federal é chamada de Operação Voltando Em Paz e já trouxe mais de 1,4 mil pessoas ao Brasil, todas provenientes de Israel e, mais recentemente, da Cisjordânia.

Os brasileiros que estavam em Gaza seguiam fora das listas de estrangeiros permitidos a deixar a região. Essa situação se estendia desde a última quarta-feira (1º/11).

A pasta do Desenvolvimento Social e a Casa Civil estão organizadas para providenciar identidades, auxiliar em pedidos de refúgio, oportunidades de trabalho e acesso ao Sistema Único de Saúde (SUS) dos brasileiros vindo de Gaza.

Os governos estrangeiros dizem que há, em Gaza, cidadãos de 44 países, bem como trabalhadores de 28 agências, incluindo organismos da ONU. Esses estrangeiros somariam cerca de 7,5 mil pessoas em Gaza. O Egito estima que 500 pessoas cruzem a fronteira diariamente.

METRÓPOLES

5 respostas

  1. Parabéns Força Aérea pelo impecável cumprimento da missão!

    Que o governo federal tenha a consciência de Prover os meios necessários para que missões assim possam ser cumpridas com êxito!

    1. Kkkkkkkk. Se apossaram das cores da bandeira 🇧🇷 na campanha eleitoral. Agora derrotados, tentam se apossar dos atos e diplomacia do novo governo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo