Cúmplice de assassinato: pai de cabo do Exército suspeito por furto de armas em SP é foragido da justiça

Cabo Tandu motorista do diretor do AGSP

Polícia procura pai de cabo do Exército suspeito por furto de armas em SP

Josmar Jozino Colunista do UOL
Valmir da Silva Tandu, 45, pai do cabo do Exército Vagner da Silva Tandu, 23, suspeito de envolvimento no furto de 21 metralhadoras do Arsenal de Guerra de Barueri, na Grande São Paulo, é procurado pela polícia paulista desde 25 de março de 2019.

A reportagem não conseguiu contato com os advogados do cabo e do pai dele, mas publicará a versão dos defensores de ambos assim que houver uma manifestação.

Valmir foi condenado a 12 anos de prisão sob a acusação de ter participado do homicídio do colega de trabalho Gilmário Alves Teixeira, em 27 de janeiro de 2008, em Osasco, também na Grande São Paulo. A vítima foi morta a tiros por Edicélio Alves dos Santos, 39, por causa de uma dívida de R$ 3 mil.

O autor dos disparos recebeu uma pena de 16 anos e também encontra-se foragido. Valmir foi absolvido no primeiro julgamento no Tribunal do Júri. Porém, acabou condenado em um segundo julgamento. Foi acusado de ter ajudado o parceiro na fuga. Os réus e a vítima trabalhavam juntos.

Policiais civis querem saber se Valmir tem ou não envolvimento na intermediação da venda das armas para criminosos. Até o momento, não há nenhuma prova contra ele nesse sentido.

A reportagem teve acesso a um vídeo obtido pela polícia paulista, mostrando imagens de parte das armas furtadas em poder de criminosos. As imagens mostram metralhadoras e um fuzil. Um homem questiona um outro, chamado de “Capixaba”, até agora não identificado, como o armamento foi parar ali.

O interlocutor deixa claro que a data da gravação do vídeo era 8 de setembro. O Exército acredita que as armas foram furtadas na primeira semana daquele mês, mas o crime só foi descoberto em 10 de outubro. Leia mais.

UOL

11 respostas

  1. Sobre a promoção dos QE a sub ( que segundo Os deputados esquerdistas ocorrerá em 31 De Março de 2067 ) já foi escolhido o patrono dos QE, será o apresentador Chacrinha … 😂😂😂

    1. Sinceramente, eu não entendo esse ódio que vcs tês coms os militares do QE. São militares, como vc ST ENG com Chqao, que fazem com que a vida dos militares não evoluam em nada. Muito mesquinhos, todos (abaixo de vc) tês que se f***. Só pensam no próprio umbigo, como se uma reparação para um outro quadro fosse te atrapalhar em alguma coisa. Bando de desunidos.

  2. O eB já não é mais o mesmo. Motorista de CMT com antecedentes criminais. Casa coisa. A 2 seção já não é mais a mesma, alienaram até o eficiente Fusca branco das diligências.

    Enfim…..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo