RR: Forças Armadas enviam militares para restabelecer segurança e saúde em comunidade na TIY

Os militares têm proporcionado apoio à Unidade Básica de Saúde Indígena (UBSI) de Homoxi. (Foto: reprodução/Forças Armadas)

Forças Armadas enviam militares para restabelecer segurança e saúde de Homoxi
Readequação da área é para possibilitar o retorno das atividades de ajuda humanitária às comunidades indígenas da Terra Yanomami

Adriele Lima
Mais militares foram enviados à região de Homoxi, na Terra Indígena Yanomami, para restabelecimento da segurança e saúde das comunidades. O envio ocorreu por meio da Operação Homoxi, do Comando Conjunto Ágata Fronteira Norte, das Forças Armadas.
Conforme as Forças, desde o dia 11 de julho as equipes têm proporcionado apoio à Unidade Básica de Saúde Indígena (UBSI) de Homoxi, localizada às margens do rio Catrimani. Já para a segurança da região, aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB), da Marinha do Brasil (MB) e do Exército Brasileiro (EB) enviaram militares para readequar a área.
O objetivo, de acordo com as informações, é possibilitar o retorno das atividades de ajuda humanitária às comunidades indígenas da proximidade. “A UBSI de Homoxi era a única da região e atendia cerca de 700 indígenas. A área é de difícil acesso e só se chega por via aérea”, explica o Comando.
A ação também conta com a parceria com o IBAMA, com a Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI), a SESAI e com os Órgãos de Segurança Pública (OSP).
FOLHA BV

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo