Escolha uma Página

A audiência está marcada para acontecer no dia 8 de junho, na Câmara dos Deputados; o general pode escolher se irá ou não ao encontro

Maria Eduarda Portela
A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados aprovou requerimentos para convidar o ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira, a prestar esclarecimentos sobre a compra 35 mil comprimidos de Viagra e a aquisição de próteses penianas pelas Forças Armadas.
A princípio, o deputado Elias Vaz (PSB), autor do requerimento, gostaria que o pedido fosse para convocar o ministro, contudo os parlamentares decidiram alterar a proposta.
O general Nogueira poderá comparecer ou não à audiência que está marcada para acontecer no dia oito de junho. Por se tratar de um convite e não de uma convocação, o ministro não será obrigado a prestar esclarecimentos sobre o caso.

Relembre o episódio
Em abril, o deputado Elias Vaz solicitou explicações ao ministro da Defesa sobre a compra de 35.320 comprimidos de Viagra pelas Forças Armadas no valor de R$ 33 milhões.
A compra dos comprimidos irá atender o Exército, com cinco mil comprimidos, a Marinha, com 28 mil pílulas, e a Aeronáutica com mais duas mil unidades do remédio.
“Precisamos entender por que o governo Bolsonaro está gastando dinheiro público para comprar Viagra e nessa quantidade tão alta. As unidades de saúde de todo o país enfrentam com frequência falta de medicamentos para atender pacientes com doenças crônicas, como insulina, e as Forças Armadas recebem milhares de comprimidos de Viagra”, explicou o parlamentar do PSB.
METRÓPOLES/montedo.com

Skip to content