Escolha uma Página

A perícia foi realizada pelo Corpo de Bombeiros ainda no sábado (19/3). O laudo será concluído nas próximas semanas

Mirelle PinheiroCarlos Carone

Gravações obtidas pela coluna mostram os danos causados pelo incêndio que atingiu a Garagem da Secretaria de Segurança e Coordenação Presidencial do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), nesse sábado (19/3). Ao menos dois carros oficiais, modelo Ford Fusion, foram atingidos pelas chamas. Cada automóvel é avaliado em até R$ 180 mil.
Nas imagens é possível ver bombeiros tentando controlar as chamas, que também destruíram mesas, cadeiras e estantes. Devido ao incêndio, parte do telhado cedeu.
O combate ao fogo teve duração de aproximadamente 10 minutos. A corporação trabalhou contra as chamas com sete viaturas e 40 militares. Segundo o Corpo de Bombeiros, a apuração preliminar indica que o incêndio foi causado por curto-circuito em uma lâmpada. A perícia foi realizada ainda no sábado (19/3) e o laudo será concluído nas próximas semanas.
Apenas um militar da aeronáutica que ajudou no primeiro combate e que inalou fumaça foi transportado ao Hospital das Forças Armadas (HFA) para averiguação médica detalhada.

Investigação
Segundo a Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom), o fogo causou “perdas materiais” que ainda estão sendo contabilizadas. O incêndio foi controlado pelo Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) e não houve vítimas. A Presidência da República vai abrir um procedimento administrativo para apurar o que motivou o incêndio.
METRÓPOLES/montedo.com

Skip to content