Escolha uma Página

Bela Megale
Flagrado sem máscara em um shopping em Manaus no último domingo, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello perdeu os poucos defensores que ainda tinha nas Forças Armadas. A atitude do general foi classificada como “indefensável” por colegas da cúpula militar.
O sentimento é compartilhado pela maioria dos integrantes do governo Bolsonaro, que afirmou à coluna que o ex-ministro “não se ajuda” e que não vê como a imagem de Pazuello pode melhorar na opinião pública.
– Alguns militares ainda defendiam que Pazuello assumiu o ministério como uma missão e que deu sua cota de sacrifício, mas tudo tem limite. Nós estamos no auge na segunda onda da pandemia e as pessoas se deparam com ele sem máscara em um shopping. Ninguém tem como apoiá-lo depois disso – afirmou à coluna um integrante da cúpula das Forças Armadas.
O Globo/montedo.com

Skip to content