Escolha uma Página

Gota d’água teria sido a divulgação de mensagens trocadas por ele com Bolsonaro e Carla Zambelli

O discurso de militares do governo de Jair Bolsonaro sobre Sergio Moro deu uma guinada no fim de semana. Se no dia da demissão do ex-comandante da Justiça fardados disseminavam a versão de que estavam perplexos e chateados, agora a linha de muitos deles é a de dizer que o ex-juiz os decepcionou.

ASSIM, NÃO 
A gota d’água, justificam, teria sido a divulgação, por Moro, de mensagens privadas trocadas por ele com Bolsonaro e com a deputada Carla Zambelli (PSL-SP).

ESCUDO 
O gesto foi considerado traiçoeiro, dentro de um contexto em que Moro saiu disparando bombas com potencial de complicar o seguimento do governo.

ESCUDO 2  
Tanto ministros militares quanto civis comentavam negativamente, em grupo que os reúne no WhatsApp, a iniciativa de Moro de divulgar mensagens privadas.

ESCUDO 3  
Alguns militares lembram que Bolsonaro já queria se livrar de Moro no ano passado, e que foi contido por eles —para agora virar os canhões contra o presidente.
FOLHA DE SÃO PAULO/montedo.com

Skip to content