Escolha uma Página

Denúncias de direcionamento no Departamendo de Logística sernao apuradas discreta e rapidamente

O general Eduardo Pazuello na secretaria executiva do Ministério da Saúde, dá tranquilidade ao ministro Nelson Teich e sinaliza a orientação do presidente Jair Bolsonaro de averiguar com discrição e rapidez supostas denúncias sobre contratos e compras da gestão de Luiz Henrique Mandetta. Seu estratégico Departamento de Logística (DLog), por exemplo, revelou incapacidade de fazer compras devidas para combate ao Covid19 e curiosa destreza na relação com fornecedores.

ESTRANHA SUGESTÃO
Há denúncia de que o DLog sugeria a fornecedores que procurassem financiar suas operações em bancos específicos, tipo BTG Pactual.

ADJUNTO-PROBLEMA
Aliados contaram ao Planalto peripécias atribuídas a Nano Jurgielewicz, um adjunto que Mandetta levou do Mato Grosso do Sul para o ministério.

MINISTRO BLINDADO
O general ajudará Teich a se familiarizar com a máquina do ministério e blindar o ministro do “ataque especulativo” de lobistas e assemelhados.
DIARIO DO PODER-montedo.com

Skip to content