Escolha uma Página
Corpos de vítimas de acidente de helicóptero são resgatados no interior do AM
Cinco corpos foram retirados de rapel do local pela equipe de resgate do helicóptero H-60 Black Hawk.
Equipe da FAB realizou o resgate dos corpos das vítimas (Foto: FAB/Divulgação)
Da Redação/[email protected]
Manaus – Os corpos das cinco vítimas do acidente com o helicóptero da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) foram localizados pela Força Aérea Brasileira (FAB), na tarde desta quarta-feira (3), na região da cidade de Tabatinga, distante 1.108 km de Manaus. Os cinco corpos foram resgatados de rapel do local pela equipe de resgate do helicóptero H-60 Black Hawk.
Segundo a FAB, os corpos do piloto e das quatro vítimas foram levados para o Hospital de Guarnição de Tabatinga, onde serão identificados. Uma equipe do Sétimo Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA VII) já trabalha na investigação que vai apurar os fatores contribuintes do acidente.
Entenda o caso
O helicóptero desapareceu, por volta das 17h da última sexta-feira (29), no quilômetro 14 da BR-307, próximo à cidade de Atalaia do Norte, distante 1.130 km de Manaus. A aeronave tinha cinco pessoas à bordo, incluindo duas indígenas grávidas.
De acordo com informações da assessoria da Prefeitura de Atalaia do Norte, destroços do helicóptero e corpos das vítimas foram encontrados nas mediações dos igarapés Curupira e São João, que estava dentro do perímetro de 100 quilômetros de onde havia sido informada a última coordenada do helicóptero e onde se concentravam as buscas.
Conforme a Polícia Militar de Atalaia do Norte , 14 policiais do município foram encaminhados, com uma embarcação, para a área, que é de difícil acesso e localizada a três horas do município. Ainda conforme a PM do município, uma equipe técnica da polícia civil deve realizar a perícia no local.
D24am/montedo.com
Skip to content