Escolha uma Página
Militar do Exército e advogado são detidos após tentarem roubar bolsa de travesti
Fachada da 76ª DP. Local onde os homens foram detidos
Fachada da 76ª DP. Local onde os homens foram detidos Foto: Thiago Freitas / Extra
Ricardo Rigel
Niterói (RJ) – Um aspirante a tenente do Exército e um advogado, mo radores de Niterói, foram detidos na madrugada desta quinta-feira por policiais do 12º BPM (Niterói) após serem acusados por uma travesti — que fazia ponto em uma das esquinas da Avenida Ernani Amaral Peixoto —de tentarem roubar a sua bolsa quando passavam pelo local.
A vítima Tifany foi levada junto com os acusados para a 76ª DP (Centro). Ao chegar a delegacia, houve uma confusão entre a travesti e o advogado. Eles chegaram a partir para a agressão física e foram separados pelos PMs. O advogado, que também foi detido, pegou o celular e começou a filmar a movimentação dos policiais dentro da delegacia. Ele foi advertido por um inspetor de que naquele local não poderiam ser feitas filmagens, mas insistiu e chegou a esfregar o celular no rosto do agente. Foi então, que começou uma nova briga no local e o advogado agrediu o policial.
Os acusados foram autuados por desacato, agressão e tentativa de roubo. O aspirante a tenente do Exército foi encaminhado para a 78 ª DP (Fonseca) e também foi autuado por embriaguez ao volante. Os dois responderão em liberdade.
EXTRA/montedo.com
Skip to content