Escolha uma Página
O brigadeiro Joseli Camelo (esq), indicado pela FAB para o STM, e o brigadeiro Luiz Alberto Bianchi (dir), que assumirá o comando das viagens da presidente Dilma. (Foto: Filipe Matoso/G1)
O brigadeiro Joseli Camelo (esq), indicado pela FAB para o STM, e o brigadeiro Luiz Alberto Bianchi (dir), que assumirá o comando das viagens da presidente Dilma. (Foto: Filipe Matoso/G1)
O Planalto anunciou ontem que o Tenente-Brigadeiro do Ar Joseli Camelo será o novo integrante do Superior Tribunal Militar, em substituição ao Ministro José Américo, que se aposenta na próxima terça (13). A indicação foi assinada neste sábado pelo ainda Comandante da FAB, Brigadeiro Juniti Saito. Para ser efetivada, a nomeação ainda precisa  da protocolar sabatina no Senado, ou seja, são favas contadas.
Joseli foi o comandante do avião presidencial nos últimos doze anos, período em que o PT está no poder. Ou seja, a única atribuição que teve em sua trajetória como oficial general foi cuidar das viagens de Lula e Dilma, função vinculada ao GSI. 
“Joseli, por que o avião está sacudindo?”; “Joseli, que curva é essa?”; “Joseli, eu não quero ir mais rápido se for para passar por turbulência”; essas expressões  da Presidente Dilma Rousseff renderam-lhe o apelido de “Marechala do Ar”, por interferir, com sua notória sutileza, nos planos de voo do comandante do Boeing presidencial. 
Dilma tem horror a turbulências durante o voo. Certo dia – relata a repórter Natuza Nery, da Folha – ela viajava de Brasília a Porto Alegre quando um detalhe curioso chamou a atenção de uma assessora. No lugar de uma linha reta, o gráfico que descrevia a trajetória da aeronave mostrava um ziguezague. Motivo: a presidente insistiu para que Joseli fugisse do agito. Certa vez, o desvio foi tão grande que a aeronave fez a “curva” em Mato Grosso antes de aterrissar em Brasília. Sacudir em grandes altitudes é ruim porque incomoda, mas não por ser inseguro. Além disso, seguir em linha reta é mais rápido e mais barato. Acostumado com as exigências da passageira, o futuro Ministro do STM costumava brincar: “Veja aqui, presidente, por onde a senhora quer ir”.
Como brigadeiro, Joseli não exerceu nenhum cargo de comando dentro da FAB, o que não impediu que seu nome fosse cogitado fortemente para a sucessão de Saito. Seu principal predicado: a proximidade com a Presidente. A indicação ao STM foi imposição de Dilma Rousseff.

Leia também:

Dilma, uma ás indomável

‘Marechala do Ar’: Dilma ‘invade’ cabine do piloto e vira ‘corneteira’ n

dos voos oficiais

Comparando
O então coronel Mark Tillman, da USAF,  piloto senior do Air Force One durante oito anos, é considerado um herói americano por impedir que a aeronave presidencial – Bush filho à bordo – fosse abatida durante o episódio do 11 de setembro de 2001.
Pois bem, hoje Mark Tillman é…”apenas” coronel da reserva da mais poderosa força aérea do mundo.
Com informações do G1 e Folha
Skip to content