Escolha uma Página
PM apresenta armas apreendidas com suspeito de assalto a agência bancária (Foto: Divulgação / Polícia Militar)
PM apresenta armas apreendidas com suspeito
de assalto a agência bancária
(Foto: Divulgação / Polícia Militar
Soldado do Exército é preso por participar de assalto a banco, diz PM
Policiais chegaram a militar através de placa do carro usado no crime.
Pelo menos oito pessoas participaram do assalto, aponta investigação inicial.

Do G1 PE
Um soldado do Exército com 21 anos de idade foi preso nesta segunda-feira (1º), suspeito de assaltar uma agência do Banco do Brasil, no Recife. A polícia chegou até ele após rastrear a placa do carro usado no crime. A investigação inicial aponta que pelo menos oito pessoas participaram da investida, que aconteceu por volta das 10h30.
A partir da placa do veículo, os investigadores chegaram a um endereço no bairro do Arruda. Na casa indicada, encontraram um homem de 45 anos que confirmou ser o dono do veículo, mas que tinha emprestado o carro ao filho, um soldado de 21 anos. O pai ligou para o rapaz e marcou de pegar o carro na casa da tia dele, no bairro de Vasco da Gama. A polícia montou campana e prendeu o suspeito no começo da tarde.
No porta-luva foram encontrados três revólveres, sendo dois deles roubados dos vigilantes do banco; o terceiro tinha sido usado no assalto. Uma moto também estava na casa da tia do suspeito, que confirmou ser de um outro homem envolvido no assalto. A polícia rastreou o endereço a partir da placa da moto, e a informação levou a um imóvel no bairro de Chão de estrelas, mas o suspeito não foi encontrado.
O soldado e o pai dele foram levados para a sede do Departamento de Crimes contra o Patrimônio (Depatri). O pai, que já tem passagem na polícia por homicídio, foi ouvido e deve ser liberado, já que a polícia acredita que ele não teve participação. Já o militar está sendo ouvido e deve ser autuado por assalto qualificado e posse ilegal de arma.
O soldado é militar do 4º Batalhão de Comunicação, cuja sede fica em Tejipió. “Ele tinha negado a participação, mas na delegacia, quando foi revistado, viram que ele estava com uma bermuda vermelha por baixo da calça jeans. E, vendo as imagens do assalto, dá para identificar uma pessoa com essa bermuda. Então ele confirmou que participou, que entrou armado na agência”, disse Reginaldo Filho, major do 11º batalhão da PM. A polícia acredita que a quadrilha atua no Morro da Conceição.
Skip to content