Escolha uma Página
Craques descem em bases militares
Base aérea de Santa Cruz (RJ)
Os cuidados com a segurança durante a Copa do Mundo serão maiores do que o governo costuma admitir. Um deles é mantido em segredo. Envolve um momento delicado na logística da competição – o desembarque e o embarque das delegações nos aeroportos das cidades-sede. Convencido de que a presença de um grande número de craques em locais públicos pode se transformar num convite para tumultos, o governo já definiu que as equipes não irão desembarcar em aeroportos civis, mas em bases militares, longe do olhar de torcedores e viajantes em geral, o que ajudará a evitar confusões sem necessidade.
Brasil Confidencial (ISTO É)/montedo.com
Skip to content