Escolha uma Página
Enterrado corpo de fuzileiro morto na Linha Amarela
Rafael Castilhone foi assassinado na Linha Amarela
Rafael Castilhone foi assassinado na Linha Amarela Foto: Terceiro / Reprodução
Foi enterrado neste domingo (dia 9), no Cemitério do Catumbi, o fuzileiro naval Rafael Castilhone, de 22 anos, assassinado na Linha Amarela, na madrugada de sábado. Segundo uma tia da vítima, que não quis se identificar, o jovem foi atingido por tiros na altura da Cidade de Deus, quando parou a moto para buscar a namorada, na casa da mãe dela. Um dos disparos atingiu a costela e perfurou o coração e o pulmão. Ele morreu na hora.
Rafael estava na Marinha desde 2011. Nascido na Cidade de Deus, ele teria sido proibido por traficantes de circular numa parte da favela, quando entrou para a Força.
O caso é investigado pela Divisão de Homicídios (DH), que ouvirá a família do jovem. Imagens de câmeras de segurança da via foram pedidas.
Extra-montedo.com
Skip to content