Escolha uma Página

PF deu início às investigações para apurar circunstâncias da ocorrência

 (Foto: Polícia Federal/Divulgação )
Mesmo sem concluir as investigações, a Polícia Federal acredita que o soldado Kennedy Lima Pires, 19 anos, que foi encontrado morto na manhã desta quinta-feira (30) num banheiro do Terceiro Centro Integrado de Defesa e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta III), em Piedade, com um tiro, teria tirado a própria vida. Segundo a PF, em uma mensagem de texto encontrada no celular do soldado ele estaria se despedindo da família.
Nesta tarde, a Polícia Federal está promovendo uma coletiva de imprensa para informar mais detalhes sobre o caso.
Segundo informações extra oficinais o soldado foi identificado como Kennedy Lima Pires e seria novato no Cindacta III. A Aeronáutica se pronunciou afirmando que um Inquérito Policial Militar foi instaurado para a apurar o incidente. A polícia ainda não sabe se o soldado foi assassinado ou se teria sido um suicídio.
Confira a nota da Aeronáutica na íntegra:
O Centro Comunicação Social da Aeronáutica informa que, na madrugada desta quinta-feira (30/1), um soldado faleceu vítima de disparo com arma de fogo durante serviço no Terceiro Centro Integrado de Defesa e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta III), em Recife.
O Cindacta III instaurou um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar as circunstâncias da ocorrência. Vale ressaltar que o IPM corre sob sigilo, conforme previsto no Código de Processo Penal Militar.
O Comando do Cindacta III está à disposição dos familiares prestando apoio e os esclarecimentos necessários.
DIÁRIO de PERNAMBUCO/montedo.com
Skip to content