Vinte e seis vítimas de gases tóxicos na EASA obtiveram alta. Comandante fala sobre o incêndio.

G1/montedo.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo