Escolha uma Página
Soldado que teve o braço amputado no Iraque leva 2ª prata
O britânico Jon-Allan Butterworth comemora medalha de prata no contrarrelógio do ciclismo de pista
Glyn Kirk/France Presse O britânico Jon-Allan Butterworth comemora medalha de prata
no contrarrelógio do ciclismo de pista
Ex-soldado, o britânico Jon-Allan Butterworth, que perdeu o braço esquerdo durante a guerra do Iraque, em 2007, garantiu, neste sábado, sua segunda medalha de prata no ciclismo nos Jogos Paraolímpicos de Londres-2012.
Ainda como técnico de armas do Exército Real Britânico, Butterworth foi vítima de um ataque à base militar em Basra, no sul do Iraque, quando estilhaços de um foguete dilaceraram seu braço.
“Comecei a rolar pelo chão, mas quando percebi, meu braço havia sido atingido e eu sangrava muito. Não senti o impacto, só me dei conta com o sangue”, relembrou o ex-soldado.
Encaminhado para o Battling Back, parceria entre o Ministério da Defesa e o Comitê Paralímpico da Grã-Bretanha, Butterworth passou a se dedicar ao ciclismo. Com uma prótese no braço amputado, o para-atleta conseguiu o apoio necessário para se equilibrar.
Essa é a primeira vez que o britânico compete numa Paraolimpíada. Em Londres, está inscrito em cinco provas e já conquistou duas medalhas de prata: a primeira na sexta-feira, no contrarrelógio de pista indivudual, e a segunda neste sábado, na perseguição individual de pista, classe C5 (deficiência física de leve a moderada), em que acabou derrotado pelo australiano Michael Gallagher.
Os brasileiros João Schwindt (sexto) e Soelito Gohr (11º), que também participaram da prova, ficaram fora da briga por medalhas e voltam aos pedais no próximo dia 5, no contrarrelógio individual na estrada.
Boa Informação/montedo.com

Nota do editor:
A mudança de nome do evento, de Paraolimpíada para Paralimpíada, ocorreu por determinação do Comitê Paralímpico Internacional (em inglês, International Paralympic Committee), que não usa “olímpico” porque essa palavra é marca registrada do Comitê Olímpico Internacional.
Skip to content