Escolha uma Página
Senador Delcidio com o comandante da Marinha, Almirante Júlio Soares
Foto: Divulgação
O senador Delcídio do Amaral (PT/MS) pediu aos comandantes da Marinha, almirante Júlio Soares de Moura Neto, do Exército, general Enzo Martins Peri, e da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito, que as Forças Armadas ajudem a combater os incêndios que tomam conta de milhares de hectares no Pantanal.
“Mostrei aos três comandantes que a situação é extremamente grave”, disse Delcídio. “São quase mil novos focos de incêndio em um período de apenas 10 dias. É preciso um esforço conjunto para que a propagação das chamas seja contida. Caso contrário os prejuízos para o meio ambiente, a fauna, a flora, os produtores rurais e toda a população de Corumbá e Ladário, que já são grandes, passem a ser irreversíveis”, advertiu.
O senador quer que as Forças Armadas se juntem ao trabalho que já está sendo feito pelo IBAMA, voluntários e o governo do estado.
“O superintendente Amarildo Cruz já viabilizou junto à direção nacional do IBAMA um helicóptero que deve chegar ao Pantanal ainda neste sábado. Além disso, ele se deslocou para Corumbá, de onde vai comandar pessoalmente as ações desenvolvidas por funcionários do IBAMA, brigadistas treinados pelo Prev-fogo, o Corpo de Bombeiros e dezenas de trabalhadoes das fazendas atingidas pelas chamas. Estamos pedindo as Forças Armadas mais homens, equipamentos e veículos como aviões e helicópteros especialmente adaptados para o combate a incêndios florestais. Os comandantes militares ficaram bastante impressionados com o meu relato e prometeram ajuda. Eles têm uma infraestrutura muito boa que pode ser acionada em um momento difícil como esse”, afirmou Delcídio.
Além de falar com os comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, o senador enviou ofício ao Ministro da Defesa, Celso Amorim, também solicitando apoio para o combate aos incêndios no Pantanal. (Com informaçõe da Assessoria)
Campo Grande News/montedo.com
Skip to content