Escolha uma Página
Comando sofre facada em treino
Wilson Ferreira, 22 anos, saiu ontem dos Cuidados Intensivos do Hospital Militar

Lurdes Mateus
Já saiu dos Cuidados Intensivos e está estabilizado”, explicou ontem ao CM o major Laranjeira, do Gabinete de Relações Públicas do Exército, sobre o estado de saúde do praça Wilson Ferreira, 22 anos, que durante um treino físico, na passada terça-feira, sofreu um golpe que lhe perfurou o fígado.
Ao que o CM apurou, o treino, para ingressar no curso de Comando, decorria no Centro de Tropas de Comando, em Sintra. Estava a ser supervisionado por um alferes e terá sido este militar que, durante um exercício em posição de flexão, colocou uma faca de mato entre a barriga do praça e o chão. Mas Wilson não aguentou e acabou por cair sobre a faca.
“Esta é uma situação anormal e é algo que não está autorizado pelo Exército”, afirmou o major Laranjeira, adiantando que já está a decorrer um processo de averiguações.
Wilson foi transportado de urgência para o Hospital Militar – depois de alegadamente ter sido suturado no local do acidente -, onde foi operado ao fígado.
“No início, pensava-se que o estado clínico fosse mais grave. Mas, se tudo isto for provado, o alferes será punido dentro da instituição e poderá responder ainda em processo-crime”, explicou ao CM o major Laranjeira.
Correio da Manhã (Portugal)/montedo.com

Comento:
Que barbaridade!
Skip to content