Escolha uma Página
Forças Armadas realizam em Campo Grande simulação de abrigo para vítimas de calamidade
Militares da Operação Anhanduí realizaram ação inédita no Guanandizão (Foto: Deurico/Capital News)
Nesta quinta-feira (13) as Forças Armadas de Mato Grosso do Sul sob coordenação do Ministério da Defesa realizaram uma simulação de abrigo para vítimas de calamidades, o chamado Local de Destino Seguro (LDS).
Cerca de 100 pessoas de Campo Grande e Anhanduí foram convidadas para participar da ação que contou com diversas atividades sociais, como atendimento médico, odontológico e de serviços municipais e militares, como emissão de documentos.
(Foto: Deurico/Capital News)
O Tenente Coronel O. Campos explica que a ação é inédita no Estado e que visa treinar o planejamento de resgate da população, para que todas as Forças Armadas estejam preparadas para um momento real.
A operação Anhanduí segue até o dia 17 de outubro e reúne tropas, equipamentos, veículos, embarcações e aeronaves da Marinha, do Exército e da Força Aérea.
A simulação aconteceu no Ginásio Guanandizão, onde os militares se adaptaram para realizar os atendimentos. Cerca de 2.000 militares estão envolvidos na operação.
A dona de casa Lucimara Correia da Cosa, de 35 anos, ficou sabendo da operação durante atendimento no posto de saúde do bairro Jockei Clube e junto com seu filho de 11 anos foi logo cedo para o ginásio onde participou de vários atendimentos.
Lucimara e seu filho tiveram atendimento do pediatra e dermatologista, participaram de uma oficina de culinária, de fantoches, de higiene bucal e a tarde iriam fazer alguns documentos, como carteira de identidade.
“Eu to gostando muito da ação, é muito organizado e interessante, mas acho que deveria ser mais aberto ao público, por que isso é bom para a população”, finaliza.

CAPITAL NEWS

Skip to content