Escolha uma Página
REAJUSTE DOS SOLDOS: NA CONTA SÓ EM AGOSTO DE 2012
O aguardado aumento dos soldos em 2012 será incorporado aos contracheques em julho e entrará na conta corrente no pagamento que será creditado no primeiro dia útil de agosto. O índice está definido, mas depende ainda de aprovação final da presidenta Dilma Rousseff.
Ontem, a equipe de orçamento do Ministério da Defesa passou o dia debruçada sobre os números da pasta. Conforme foi antecipado pelo DIA no domingo passado, o aumento dos soldos tem amparo legal e indicativos que seu custeio pode vir da economia obtida nos últimos 11 anos do corte de benefícios da tropa, como o adicional por tempo de serviço.
A expectativa nos quartéis é que o aumento seja anunciado oficialmente antes do 7 de Setembro. Fala-se em índice de até 44% (maior para praças com mais tempo de carreira e oficiais subalternos). O reajuste seria dividido em três vezes, sendo a primeira parcela paga em julho.
Oficialmente, a Defesa não fala em índices nem de reajuste. A última vez que o ministro Celso Amorim tratou do assunto em público foi no Rio, no dia 12 de agosto, quando evitou citar números por estar recém empossado no cargo.
No blog da Coluna, porém, leitores revelam quanto o reajuste causa ansiedade. Há céticos que apostam que os estudos não resultarão em aumento. Há relatos de aperto financeiro graças ao soldo baixo e solidariedade de outros segmentos. Policial federal que atuou com militares na Amazônia escreveu: “Dava para notar a irritação deles quando falávamos em salário. Eu com R$ 13 mil, eles com R$ 3 mil”.

O DIA/FORÇA MILITAR


Skip to content