Escolha uma Página
Projeto Soldado-Cidadão promove qualificação profissional aos militares
O “Projeto Soldado-Cidadão” (PSC) está inserido no Programa de Assistência e Cooperação das Forças Armadas à Sociedade Civil, sob a responsabilidade do Ministério da Defesa. Tem como finalidade proporcionar uma qualificação profissional aos militares temporários carentes ou em situação de risco social, possibilitando melhores condições de ingresso no mercado de trabalho ao término do Serviço Militar. Sua operacionalização envolve organizações militares e entidades civis de ensino profissionalizante, entre elas as pertencentes ao Sistema “S” (SENAI – SENAC – SENAT – SENAR).
Alguns militares, cuja formação exige experiência para competir no acesso ao mercado de trabalho, têm sido aproveitados em setores específicos, como Serviços Gerais (eletricistas, pedreiros, marceneiros, pintores), Aprovisionamento (cozinheiros, padeiros, garçons), Transportes (mecânicos, motoristas categoria “D”, motoristas de veículos de emergência, pintura automotiva), Saúde (auxiliares de laboratório e de farmácia), Seções de Informática (montagem e manutenção de redes, webdesigner), entre outros. Dessa maneira, o PSC tem contribuído, também, para a melhoria da mão de obra das Organizações Militares.4
Em 2010, o Ministério da Defesa instituiu o “Prêmio Melhor Gestão do Projeto Soldado-Cidadão”, com a finalidade de incentivar e divulgar boas práticas de gestão no PSC. Naquele ano, o 61º Batalhão de Infantaria de Selva, Cruzeiro do Sul (AC), recebeu o referido Prêmio pela execução do curso de carpintaria naval, com a construção de uma embarcação de 10 toneladas, batizada de Soldado-Cidadão, que serve, atualmente, como transporte fluvial para aquela Organização Militar.
Desde a sua implantação, o PSC já capacitou no Exército mais de 130.000 jovens, dos quais cerca de 70% encontraram colocação no mercado de trabalho, após o término da prestação do Serviço Militar.
Skip to content