Escolha uma Página
Ribalta
Adão Oliveira
O ministro da Defesa, Nelson Jobim, do PMDB, está – aos poucos – se reaproximando da presidente Dilma Rousseff (PT). Ele já esteve por visitar a cozinha do Alvorada, onde uma frigideira com óleo fervente o aguardava. Jobim deixou de ser fritado porque seu prestígio junto aos chefes militares é altíssimo. Defenestrar Jobim é mexer com a caserna e isso a presidente, decididamente, não quer.
Coluna Conexão Política (Jornal do Comércio-RS)
Skip to content