Escolha uma Página

Virou moda: depois do “fajuto mas competente” golpista Carlos da Cruz Sampaio Júnior, que enganou toda a cúpula da policia carioca, passando-se por tenente-coronel do Exército, apareceu outro maluco no RJ. Confira:

Marcelo Gomes 

Militares da Polícia do Exército prenderam, na quinta-feira (19) à tarde, um falso coronel da corporação nas proximidades do Comando Militar do Leste (CML), no Centro do Rio. Trajando camisa e calça camufladas, coturno marrom (da brigada paraquedista) e um capacete com logotipo da Petrobras, Deyvid Torres Monteiro, de 30 anos, foi detido por militares que faziam a segurança do Palácio Duque de Caxias, após se apresentar como coronel da Academia Militar das Agulhas Negras (Aman).
— Além da cor do coturno, percebemos a farsa por causa dos brevês dispostos de maneira errada na camisa — explicou o sargento Bruno Bittencourt.
Na 4ª DP (Central), foram apreendidos com ele documentos carimbados em que Deyvid se apresentava como juiz corregedor do Supremo Tribunal Militar e de presidente da Petrobras. Ele foi autuado por uso de documento falso e falsidade ideológica. Os agentes também descobriram que Deyvid responde em liberdade pelo assassinato da própria mulher, em 2010.
EXTRA
Leia também:

FALSO CORONEL CONTA COMO FEZ PARA ENGANAR TANTA GENTE POR TANTO TEMPO

CORONEL FAJUTO: “UÉ… BASTA DIZER, E AS PESSOAS ACREDITARAM”



Skip to content