Escolha uma Página
O general-de-brigada Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira assumiu na quarta-feira a chefia das tropas da Organização das Nações Unidas (ONU)
A Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (Minustah) tem um novo comandante. O general-de-brigada Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira assumiu na quarta-feira a chefia das tropas da Organização das Nações Unidas (ONU) presentes no país do Caribe, em substituição ao general-de-brigada Luiz Guilherme Paul Cruz, que estava no cargo há mais de um ano.
O posto, oficialmente chamado de Force Commander, é ocupado por um oficial brasileiro desde 2004, quando foi instituída a missão no Haiti, porque o Brasil tem o maior efetivo (cerca de 2.200 militares) da tropa. De acordo com o Ministério da Defesa, que anunciou a troca em comunicado divulgado ontem, Ramos assume o cargo em meio a impasses em relação às eleições presidenciais do Haiti e à economia arruinada por causa do terremoto que devastou o país em janeiro de 2010.
“Nesse ambiente, o Force Commander é a autoridade que garante o apoio ao fortalecimento do Estado de Direito e às ações de manutenção da paz e de assistência humanitária”, afirma o ministério, em seu site na internet. O novo chefe da Minustah comandou a 8.ª Brigada de Infantaria Motorizada, em Pelotas (RS) o Departamento de Educação e Cultura do Exército, o Estado-Maior da Brigada de Infantaria Paraquedista (RJ) e foi adido militar em Israel. A cerimônia de transmissão do cargo ocorreu no pátio do Batalhão Brasileiro do Haiti, o Brabatt 1, em Porto Príncipe.

AGÊNCIA ESTADO
Skip to content