Escolha uma Página
PARAQUEDISMO
Resende se prepara para receber provas do Jogos Mundiais Militares
Resende já começa a se preparar para receber, entre os dias 17 e 24 de julho, parte da programação da quinta edição dos Jogos Mundiais Militares, cuja realização é do CISM (Conselho Internacional do Esporte Militar). Ontem (29) foi realizada, no Aeroporto Municipal de Resende, uma reunião entre as secretarias municipais envolvidas na organização do projeto. O encontro teve como objetivo definir ações a serem realizadas pela prefeitura, que vai apoiar o evento no município.
Durante o encontro, o coordenador técnico da Seleção Brasileira de Paraquedismo, coronel José Roberto de Melo Queiroz, acompanhado do major Neilson, destacou a importância da parceria da prefeitura com o CISM na organização dos Jogos. Ele adiantou que a partir do mês de junho começam os ensaios das provas de paraquedismo em Resende:
– O único município que receberá os Jogos, fora da capital Rio de Janeiro, será Resende. Os primeiros ensaios da competição na cidade resendense vão acontecer no Aeroporto Municipal e na AMAN (Academia Militar das Agulhas Negras), os dois locais que sediarão o torneio em Resende – disse o coronel.
O prefeito José Rechuan (DEM) destacou que a reforma do aeroporto, realizada no ano passado pela prefeitura, contribuiu diretamente para a escolha de Resende como uma das sedes dos Jogos Mundiais Militares. Em parceria com a iniciativa privada, o município atendeu uma determinação da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) e realizou no local os seguintes serviços: construção de um muro de alvenaria (extensão de 600 metros), instalação de alambrado (300 metros), colocação de uma cerca de arame farpado (1, 2 mil metros), capina, roçada, recuperação do sistema de drenagem, pintura de faixas de sinalização, reforma na sala de embarque e desembarque, além de melhorias na área destinada às aeronaves.
Participaram do encontro desta semana no aeroporto os secretários municipais Reynaldo Raeli (Turismo e Comércio), Rubens Almada (Obras) e José Antônio de Carvalho Pinto (Agricultura e Pecuária); o superintendente especial de Eventos e Integração da prefeitura, Wagner Camilo; o coordenador operacional do aeroporto, Nélio Sampaio e representantes da Funresp (Fundação Resende Esportes).
Na próxima reunião, prevista para a próxima semana, os secretários vão analisar outras ações a serem realizadas no aeroporto com o objetivo de receber as competições de paraquedismo, como serviços de pintura, revisão elétrica, poda de árvores, definição de áreas de estacionamento, instalação de banheiros químicos e de arquibancadas, entre outros trabalhos.
A edição 2011 dos Jogos Mundiais Militares – que acontecem de quatro em quatro anos, sempre no ano anterior à realização dos Jogos Olímpicos – já têm até o momento a confirmação da participação atletas de 42 países. Com exceção do paraquedismo (categorias feminino e masculino) – cuja competição acontecerá em Resende – as outras cerca de 20 modalidades serão disputadas na cidade do Rio de Janeiro. Os jogos são divididos em esportes individuais, coletivos, militares, de demonstração e de combate.
Com relação às provas de paraquedismo em Resende, na AMAN serão disputadas as provas de Precisão Aterragem em Grupo (PAG) e Precisão de Aterragem Individual (PAI). Já no Aeroporto Municipal, acontecerá a prova de Formação em Queda Livre. Para a prova de Precisão serão utilizados os helicópteros AS-532UE Super Cougar/AS365K Panther, do Exército Brasileiro. A competição de Formação em Queda Livre, por sua vez, utilizará aeronaves do tipo EADS-CASA C-295, da Força Aérea Brasileira.
DIÁRIO DO VALE
Skip to content