Escolha uma Página
Exército apoia Prefeitura de Teresina no combate à dengue
O prefeito Elmano Férrer e o presidente da Fundação Municipal de Saúde, Pedro Leopoldino solicitaram o apoio do Exército Brasileiro para combater a dengue em Teresina. O pedido foi formalizado na tarde desta segunda-feira (29), na sede do 2º Batalhão de Engenharia e Construção, em virtude dos 941 casos da doença já registrados na capital.
De acordo com o projeto elaborado pela FMS, um total de 100 homens do 2º BEC e do 25º Batalhão de Caçadores deve percorrer as residências da capital orientando a população sobre a importância da conservação correta do lixo e das ações para combater o mosquito da dengue. “Apresentamos o relatório para avaliação dos comandantes do Exército e teremos uma resposta até o final dessa semana sobre a viabilidade da nossa solicitação”, diz Leopoldino.
Em 2011, já foram registrados 941 casos de dengue em Teresina, sendo um do tipo 4, considerado o mais grave. Os bairros mais afetados com o mosquito são Santa Maria da Codipi, Dirceu Arcoverde, Buenos Aires, Gurupi e Novo Horizonte.
Para o prefeito Elmano Férrer, a presença do Exército nas ruas de Teresina vai ajudar significativamente no avanço da luta contra a dengue. “Devemos unir forças para vencer a batalha contra a dengue. Para isso, precisamos do apoio do Exército que tem credibilidade junto à população e possui contingente humano para percorrer as mais de 86 mil residências de Teresina. Acreditamos que essa parceria vai ser muito positiva para nossa cidade”, afirma o prefeito.
Segundo o tenente coronel Marcelo Guedon, comandante do 2º Batalhão de Engenharia de Construção, é interesse das Forças Armadas atuar junto com a Prefeitura de Teresina no combate ao mosquito da dengue. “Precisamos apenas organizar a operacionalização desse mutirão para fecharmos a parceria”, finaliza Guedon.
180 GRAUS
Skip to content