Escolha uma Página
Brasil, Rússia, Índia e China (Bric) são países em desenvolvimento que têm se destacado no cenário mundial pelo rápido crescimento das suas economias. Além da aproximação política e comercial entre os Bric nos últimos anos, parcerias no campo da defesa também vêm sendo estabelecidas. É o caso das Marinhas do Brasil e da Índia. Há três anos as Forças realizam exercícios operativos entre seus militares e meios navais. Em 2010, uma comitiva naval brasileira foi à Índia conhecer a Marinha daquele país. E esse ano, os indianos vieram ao Brasil. Entre os dias 7 e 11 de fevereiro de 2011, o Chefe do Estado-Maior da Marinha da República da Índia, Almirante-de-Esquadra Nirmal Verma, e comitiva, visitaram Organizações Militares da Marinha, nas cidades de São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro.
“Brasil e Índia têm muito em comum: a semelhança entre as Marinhas, o tamanho dos países e a economia. Existem inúmeras lições a serem aprendidas por ambos”, avaliou o Almirante indiano. “Nesses dias que estou aqui, pude ver que a Marinha do Brasil é muito forte e poderosa”, completou.
Além de reuniões no Ministério da Defesa e no Comando da Marinha, em Brasília (DF), a programação dos militares da Índia contemplou visitas ao Centro Experimental Aramar, em Iperó (SP); e no Rio de Janeiro, ao Navio-Aeródromo “São Paulo”, ao Centro de Instrução Almirante Átilla Monteiro Aché, ao Navio de Socorro Submarino “Felinto Perry”, ao Submarino “Timbira”, à Corveta “Barroso” e ao Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ).
Marinha do Brasil
Fonte: Marinha do Brasil
Skip to content