Escolha uma Página
Dilma desautoriza Jobim na escolha dos caças
A decisão da presidenta Dilma de rever os critérios para a escolha do fornecedor de caças (jatos de combate) da FAB significa que o ministro Nelson Jobim (Defesa) foi oficialmente desautorizado. Ele avançou nos entendimentos com a francesa Dassault para que o Brasil pagasse R$ 20 bilhões pelos Rafale. O acordo chegou a ser anunciado em 2008 por Lula, que depois recuou, e chegou a ser festejado por Nicolas Sarkozy.
Reavaliação
Dilma pretende reavaliar todas as ofertas finalistas para buscar novas garantias e questões sensíveis, como transferência de tecnologia.
Você já sabia
Esta coluna revelou no dia 7 que Dilma havia decidido rever os critérios para a compra dos caças. A informação somente ontem foi confirmada.
Aqui mando eu
Nelson Jobim levou a Dilma o pacote fechado para a compra dos Rafale, tentando estabelecer o fato consumado. Ela não gostou.
Questão de confiança
Dilma pediu relatórios e parecer sobre a compra dos caças ao ministro Fernando Pimentel (Desenvolvimento Industrial). Neste, ela confia.
CLÁUIO HUMBERTO
Skip to content