Escolha uma Página
Um sargento do Exército, cujo nome não foi divulgado, foi preso ontem em Duque de Caxias (RJ), juntamente com 13 PMs, quatro ex-PMs, um policiail civil, um Fuzileiro Naval e dois vereadores. Os pressos são suspeitos de integrarem a maior mílicia da região. 
Entre as atividades criminosas desenvolvidas pela quadrilha, descoberta durante interceptações telefônicas, estava a venda de armas para traficantes do Complexo do Alemão, confirmando suspeitas da Polícia Civil de que traficantes e milicianos estão se articulando entre si.
Skip to content