Escolha uma Página
Coronel Genérico
A juíza Maria Tereza Donatti, da 29ª Vara Criminal da capital, concedeu liberdade provisória a Carlos da Cruz Sampaio Junior – e chegou até a orientar operações policiais no Rio de Janeiro.
Durante meses ele se passou por tenente coronel da reserva do Exército – força da qual nunca foi sequer membro ativo.
O falso coronel foi preso no dia 14 de outubrousando documentos falsos e portando um revólver sem ter porte de arma.
No Páis que tem um General Genérico de Quatro estrelas, por que não perdoar um falso militar de patente menor?
Freud explica?
Filho de um oficial militar reformado, Sampaio chegou a fazer prova para entrar no Exército, mas foi reprovado.
Porém, conhecia todos procedimentos do Exército e se portava como se fosse militar.
O mais curioso é que, entre 2003 e 2006, durante o governo Rosinha Garotinho, o falso coronel trabalho na Secretaria de Segurança.
Skip to content