Escolha uma Página
O ministro da Defesa, Nelson Jobim discutiu hoje (25) com os comandantes do Exército, da Marinha e da Aeronáutica “a importância da união e do alinhamento dessas unidades, em função da nova estratégia nacional de defesa”, que vai estar sob coordenação do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (Emcfa). Essa foi a primeira reunião do Comitê dos Chefes dos Estados Maiores.
Criado por Lei Complementar em agosto, o Emcfa vai fazer a coordenação das ações militares das três forças e tem como chefe o general de Exército José Carlos De Nardi, que participou da reunião. De Nardi será o responsável pelo emprego das Forças Armadas, enquanto aos comandantes das três armas, a quem De Nardi está equiparado hierarquicamente, caberá o adestramento das corporações. O chefe do Emcfa também irá conduzir as atividades do Estado-Maior de Defesa, da Secretaria de Ensino, Logística, Mobilização, Ciência e Tecnologia (Selom) e da Secretaria de Política, Estratégia e Assuntos Internacionais (Speai).
Além do general De Nardi, participaram da reunião os chefes dos Estados Maiores da Marinha, almirante de esquadra Marcus Vinicius Oliveira dos Santos, do Exército, general de Exército Marius Luiz Carvalho Teixeira Neto, e da Aeronáutica, tenente brigadeiro do ar Cleonilson Nicário Silva.

Agência Brasil

Skip to content