Escolha uma Página
Resultado do Sistema Colégio Militar do Brasil no IDEB 2009
Diretoria de Ensino Preparatório e Assistencial O Ministério da Educação e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgaram no dia 1º de julho o resultado nacional do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – Ideb 2009.
O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) foi criado pelo Inep em 2007 e representa a iniciativa pioneira de reunir num só indicador dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: fluxo  escolar e médias de desempenho nas avaliações. O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e médias de desempenho nas avaliações do Inep, o Saeb – para as unidades da federação e para o país, e a Prova Brasil – para os municípios.
Mais uma vez, os Colégios Militares que compõem o Sistema Colégio Militar do Brasil (SCMB) alcançaram expressivos resultados no ano de 2009, comprovando a excelência da educação no nosso sistema de ensino, ocupando cinco dos oito lugares entre as escolas de melhor desempenho nacional, conforme retrata o quadro abaixo:
Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB (2009)
Ensino Fundamental
CM
IDEB
Classificação
Município
Estado
Nacional
CMSM
7.3
CMCG
7.1
CMS
7.1
CMF
6.9
CMC
6.9
CMR
6.6
17º
CMRJ
6.4
30º
CMPA
6.2
51º
CMM
6.0
79º
Fonte: MEC/INEP
A Diretoria de Ensino Preparatório e Assistencial (DEPA), que coordena e supervisiona a educação básica e a avaliação do processo ensino-aprendizagem nos Colégios Militares, segue investindo na educação integral e parabeniza todos os discentes, docentes e agentes de ensino que contribuíram para mais essa conquista.
EXÉRCITO
Comento: 
Certamente, um desempenho como esse justifica a preocupação da corja esquerdopata em tenta enquadrar o ensino militar nos seus ditames iedológicos. Trata-se de um nicho considerável de formação de mentes brilhantes e futuras lideranças livre da influência da ditadura intelectual que, desde o primeiro Foro de São Paulo, se tenta impor aos brasileiros, no mais fiel estilo granmcista.
Skip to content