Escolha uma Página
A Secretaria de Saúde de Resende confirmou, no início da noite desta terça-feira, a suspeita de gripe suína como causa da morte de um militar de 40 anos, da Aman (Academia Militar das Agulhas Negras). Ele deu entrada domingo num hospital particular de Resende, sendo transferido para o Hospital de Emergência, vindo a falecer na noite desta segunda.
O secretário Daniel Brito disse ao FOCO REGIONAL online que o paciente apresentava sintomas da doença e que morreu de síndrome aguda respiratória grave. “Em princípio, temos de pensar sempre nesta possibilidade, por isso coletamos material para exame e agora temos de aguardar”, disse Brito. Segundo ele, o resultado só deve sair dentro de 30 dias. Brito lembrou que a faixa etária da vítima é uma das de maior risco para a contração da doença. Caso a suspeita seja confirmada, será a primeira morte causada pela gripe, este ano, na região Sul Fluminense.
A assessoria de Comunicação da Aman informou, também no início da noite, que o militar não foi atendido no hospital da academia e que ainda aguarda a confirmação da suspeita pela Secretaria Municipal de Saúde para adotar medidas de praxe. O militar foi enterrado nesta terça-feira no Cemitério Alto dos Passos, em Resende. Não foi informada a patente do militar, mas o secretário e a Aman informaram que ele morava em Resende. 
Skip to content