Escolha uma Página

Cerca de 200 homens do Exército trabalham desde sexta-feira para conter o avanço do mar na Praia da Armação, em Florianópolis. Os militares iniciaram a construção de uma barreira com sacos de areia. A ressaca ameaça dezenas de casas na região.

A obra é provisória. O município já decretou situação de emergência e agora estuda com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) a obra mais adequada para resolver o problema.

O GLOBO
Skip to content