Escolha uma Página

NELSON JOBIM, MINISTRO DA DEFESA:
“Só se for por determinação do presidente Lula em termos de garantir a lei e a ordem. Mas aí, é um processo em que o governador Sérgio Carbral tem que reconhecer a incapacidade do estado, o que não é o caso”.

TARSO GENRO, MINISTRO DA JUSTIÇA:
“O Rio tem efetivo e armamento suficientes para continuar o combate ao crime.”

GILMAR MENDES, PRESIDENTE DO STF:
“De repente, temos que discutir a participação em algum tópico das Forças Armadas, que têm expertise no controle das fronteiras, com seus setores de inteligência. O tema da segurança é tão grave, que, já disse uma vez, se necessário é preciso pensar até num Fundef para a segurança pública.”

Skip to content