Escolha uma Página
“Não podemos punir patriotas que querem servir o seu país e mostrar coragem na frente de batalha, especialmente agora que estamos em duas guerras”, disse esta noite o presidente no jantar anual de um grupo que defende os direitos humanos dos homossexuais.
O presidente aproveitou a ocasião para dizer que as reformas que prometeu durante a campanha não estão sendo feitas no rítmo que ele esperava.
Até agora, a política com relação aos homossexuais no serviço militar era o famoso “don´t ask, don´t tell”, ou seja, “não pergunte, não declare”.
Skip to content