Escolha uma Página
Os líderes da Câmara dos Deputados fecharam acordo com o Presidente Michel Temer em relação a reforma eleitoral, para derrubar todas as emendas feitas pelo Senado, à exceção da liberação da internet.
Entre outros retrocessos, não será exigida a prova de reputação ilibada e idoneidade moral (ficha limpa)  para os candidatos e também não será realizada nova eleição direta no caso de cassação de prefeitos e governadores, garantindo a posse dos perdedores.
Atualização 07:03
Skip to content